Astrobiólogo!

Ilustração Mario Bag

 

Não, não é detetive!Mas se dedica a investigar mistérios. Mistérios no espaço! O maior deles? Saber mais sobre a origem e a evolução da vida na Terra… e principalmente fora dela!Você é fã desse tema e tem muita curiosidade sobre os planetas?Saiba que pode pensar na profissão de astrobiólogo.

A astrobiologia une conhecimentos de Astronomia, Biologia, Geologia, Oceanografia, Química… (ufa!), entre várias outras áreas.A ideia é que todo esse saber ajude a desvendar segredos sobre o nosso Sistema Solar. Para fazer isso,existem as missões e sondas enviadas ao espaço, por exemplo. E também missões remotas, que procuram sinais de vida fora da Terra, com o auxílio de instrumentos como radiotelescópios. Os astrobiólogos reúnem essas informações, analisam, calculam, discutem…

Para entender melhor o trabalho desses profissionais, a CHC foi conversar com o físico Jorge Horvath, coordenador do Núcleo de Apoio à Pesquisa em Astrobiologia(NAP-Astrobio) da Universidade de São Paulo (USP). Ele conta que desde criança tinha duas paixões: o basquete e a ciência. Uniu as duas por um bom tempo. Mas depois trocou definitivamente a bola de basquete pelas formas esféricas do espaço…

 

Ciência Hoje das Crianças: O que é astrobiologia?

Jorge Horvath: É a disciplina que estuda a origem e a evolução da vida no Universo. Ela combina Astronomia com a Biologia, e também com a Geologia, a Oceanografia, a Química… e outras disciplinas mais “tradicionais”. O importante é o ponto de vista comum, ou seja, não olhamos somente os aspectos de uma ou outra num problema. Olhamos o conjunto.

 

Elisa Martins
Jornalista, especial para a CHC

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

CONTEÚDO RELACIONADO

Floresta azul?

Debaixo d’água existe uma floresta tão importante quanto às que temos em terra firme!

Um urso pelo Brasil

Ele dominou as Américas, mas desapareceu misteriosamente

Open chat