Marte está mais próximo… e brilhante!

Será que os planetas podem mesmo se aproximar ou se afastar da Terra, tornando-se mais ou menos visíveis no céu?

Ilustração Mariana Massarani

Sabia que os planetas não têm luz própria? Pois é! Eles refletem a luz do Sol. De tempos em tempos, conseguimos observar alguns planetas a olho nu aqui da Terra. Isso porque eles se mostram mais brilhantes do que outros. Esse fenômeno acontece especialmente com três planetas: Vênus, Marte e Júpiter. A variação do brilho deles depende, em geral, de quanto estão mais perto ou longe de nós.


Jaime Fernando Villas da Rocha
Departamento de Física
Instituto de Biociências
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Jaime Fernando Villas da Rocha
Departamento de Física
Instituto de Biociências
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

CONTEÚDO RELACIONADO

Será que este ano tem a “Estrela de Belém”?

Vamos investigar se o fenômeno no céu de 2020 se parece com o da história dos Três Reis Magos.

Pequenos animais que movem o mundo

Um dos biólogos mais famosos do mundo, o norte-americano Edward Wilson, uma vez falou que os insetos, caranguejos, minhocas e uma infinidade de pequenos animais movem o mundo. Ele estava chamando a nossa atenção para o valioso papel desses seres miúdos, que mal percebemos, mas que estão o tempo todo polinizando as plantas para que produzam frutos, movendo o solo e ajudando a transformar restos de animais e plantas em adubo. Eles são pequenos no tamanho, mas grandes em importância para a dinâmica da natureza.