Quero saber…

…se crianças têm menos risco de se infectarem com o novo coronavírus.

Ilustração Marina Vasconcelos

O risco de infecção é o mesmo para crianças e adultos. O que acontece é que, na maioria dos casos, as crianças desenvolvem sintomas bem mais leves da doença, em comparação a adultos e idosos. Às vezes, crianças nem apresentam sintomas. Não sabemos ao certo por que isso acontece. Uma suspeita dos pesquisadores é que as crianças tenham uma resposta diferenciada das defesas naturais do corpo (o nosso sistema imunológico) ao novo coronavírus. Lembre que a covid-19, transmitida pelo vírus SARS-CoV-2, é uma doença nova. Faz apenas alguns meses que o mundo todo convive com ela. Ainda precisamos aprender muito sobre suas formas de transmissão, sintomas e tratamento.

 

…o que são pacientes assintomáticos? Eles podem transmitir o novo coronavírus?

Pacientes assintomáticos são pessoas que foram infectadas com o novo coronavírus, mas não apresentam sintoma algum. Isso é mais comum em crianças, mas também há adultos que tiveram covid-19 sem sentir nada de dor de garganta, febre ou tosse, por exemplo. Há casos de idosos assim também. Ainda não sabemos exatamente o que faz com que algumas pessoas desenvolvam esses sintomas e outras não. Provavelmente, há mais de uma resposta, só que falta uma definição científica. O importante é que devemos reforçar os cuidados com a higiene. Sabe por quê? Porque essas pessoas, mesmo sem sintomas, podem transmitir o novo coronavírus, sim! E, pior, podem transmitir para outras pessoas de grupos de risco. E você já deve saber que pessoas de grupos de risco podem acabar desenvolvendo a forma mais grave da doença. Por isso, não devemos relaxar nas medidas de cuidado e precaução, pessoal!

…se animais podem pegar coronavírus e se eles passam a doença para os humanos.

Sim, animais podem contrair o novo coronavírus, incluindo nossos queridos animais de estimação. Já foram registrados casos de cães e gatos, por exemplo, que foram contaminados por seus donos. Mas ainda não temos evidências científicas de que eles possam transmitir o novo coronavírus de volta. O primeiro caso de que se tem notícia em que um animal transmitiu a doença para humanos foi o de um vison, mamífero parente das lontras. Mas isso é raro. De qualquer forma, fica a dica: quando você for passear com seu animalzinho, não deixe de higienizar as patinhas dele quando voltarem para casa. E, se tiver alguma pessoa em casa com sintomas ou que já foi diagnosticada com covid-19, isole-a também do animalzinho de estimação!

Ilustração Marina Vasconcelos

Quer ouvir as respostas a esse Quero saber na voz da própria pesquisadora, ouça abaixo!

video
play-sharp-fill

Juliana Cortines

Departamento de Virologia
Instituto de Microbiologia Paulo de Góes
Universidade Federal do Rio de Janeiro

Matéria publicada em 12.08.2020

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Campeonato carioca (de samba)!

Qual a origem e o que conta nos desfiles das escolas de samba?

Cofrinho da natureza

Na cultura chinesa, o porco é símbolo de prosperidade e riqueza. Por esta razão, muitos cofrinhos têm o formato desse animal. E se há algo que podemos afirmar com segurança é que “para ter sempre, é preciso poupar”.