Guardiões das zonas costeiras

Pelo bem do planeta, é preciso conhecer os manguezais e conservá-los.

Ilustração Walter Vasconcelos

Os manguezais são ecossistemas costeiros, localizados entre a terra e o mar, onde há muitas interações entre seres vivos e o ambiente. Apesar da aparência lamacenta e odor nem sempre agradável, os manguezais são fundamentais para a sobrevivência de muitas espécies, e isso inclui os seres humanos. Mas será que temos consciência do valor desses ecossistemas? 

Manguezais servem como locais de reprodução, abrigo e alimentação para muitas espécies de animais. Peixes, como robalos e tainhas, costumam frequentar o lugar. Há também muitos moluscos nos manguezais, assim como caranguejos, que são crustáceos e, em algum momento do seu ciclo de vida, vivem na lama que tem lá. Lá tem um monte de aves! Sem falar em jacarés, cobras, mamíferos…

Além de reunir grande variedade de animais, os manguezais capturam e armazenam carbono da atmosfera. O carbono é um elemento essencial para a vida na Terra, mas, em excesso, pode ser prejudicial. Veja: enquanto manguezais protegidos conseguem estocar carbono, manguezais destruídos soltam para a atmosfera todo o carbono que estava guardado. 

Quer mais? Pois, lá vai! Os manguezais também atuam como uma barreira de proteção no litoral para eventos extremos, como tempestades, tsunamis e erosão – eventos que vêm ocorrendo com maior frequência ao longo dos anos em razão das mudanças climáticas. 

Mas, por falta de conhecimento sobre a importância dos manguezais ou mesmo por descaso com a natureza, nós, humanos, estamos colocando esses ecossistemas em risco. Eles sofrem com a poluição por esgoto, resíduos sólidos (plástico, isopor, pneus, lixo de todo tipo), derramamento de petróleo, desmatamento… 

Outro problema grave – acredite! – é a criação de espécies exóticas de camarão. No Brasil, essas “fazendas” que criam o crustáceo estão concentradas no Nordeste. Muitas delas destroem o manguezal para abrir espaço para a criação de espécies de camarão não nativas. Com isso, lá se vai o ecossistema que é berçário natural de camarões nativos, caranguejos, peixes e muito mais. 

Para garantir a vida de muitas espécies, o alimento na mesa da gente, menos carbono na atmosfera e zonas costeiras mais protegidas, precisamos preservar os manguezais e manter esses ambientes sempre saudáveis. Mas de que forma podemos ajudar? Podemos começar pensando em como reduzir o consumo de plásticos e outros produtos derivados do petróleo, dando o destino adequado ao nosso lixo, derrubando menos árvores (e plantando mais!), e buscando consumir alimentos típicos da nossa região. 

E aí, os manguezais e o planeta podem contar com você?


Marília Cunha Lignon
Universidade Estadual Paulista

Sarah Charlier Sarubo
Universidade Federal do Paraná

Tássia Biazon
Cátedra UNESCO para a Sustentabilidade do Oceano
Universidade de São Paulo  

Matéria publicada em 21.09.2023

COMENTÁRIOS

  • Bernardo, 3 ano C

    Olá editores da revista CHC!

    Adorei fazer essa leitura! Eu não sabia de tudo isso sobre os Manguezais! É uma pena que o homem destrói eles…

    Publicado em 16 de maio de 2024 Responder

  • Laura

    Conte comigo planeta !!!!!!

    Publicado em 16 de maio de 2024 Responder

  • Laura

    Salvem o planeta!!!!!

    Publicado em 16 de maio de 2024 Responder

  • Laura 3 b

    Salvem o planeta!!!!!

    Publicado em 16 de maio de 2024 Responder

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.

O mistério da maçã marrom

Hora de se divertir com experimentos e atividades!