Floresta azul?

Debaixo d’água existe uma floresta tão importante quanto às que temos em terra firme!

Foto Peter Southwood/Wikimedia Commons

Você sabia que existe algo parecido com uma imensa floresta no fundo do mar? Pois é verdade! Essas florestas marinhas, também apelidadas de ‘florestas azuis’ por ficarem debaixo d’água, são formadas por algas, vegetais que podem ter diversos tamanhos, cores e funções.
As ‘florestas azuis’ ajudam a produzir o oxigênio, o gás que respirarmos. Delas também vem o sal que tempera a comida, alguns ingredientes usados em remédios e até mesmo em xampus, cremes e maquiagens.

A energia que acende a luz de nossa casa, acredite, também pode ser gerada no mar. E por onde trafegam os navios gigantes que levam muitas pessoas para viajar ao redor do mundo, que transportam até carros? E os barcos pesqueiros? Pelo mar, gente!

A internet, imagine você, passa pelo fundo do mar. Vários cabos submarinos atravessam o fundo do oceano ligando os diferentes continentes como a Europa, a África, a Ásia, a América do Sul e do Norte e nos possibilitam enviar mensagens, realizar ligações telefônicas, pesquisar para o trabalho da escola ou assistir àquele vídeo engraçado.

Ah! Onde é que fica aquela praia com ondas batendo nos pés, brincadeiras na areia macia, esportes aquáticos (como surf e mergulho) e muitos restaurantes servindo peixe e camarão? Na borda do mar, não é?

Mas… O sal para temperar, os remédios para curar, a luz para iluminar, os barcos para passear, o peixe para alimentar, a maquiagem para embelezar e a internet para trabalhar e divertir não saem prontinhos do mar para nós. São necessárias atividades econômicas, trabalho que envolve muitas pessoas, cidades, comunidades e fábricas para preparar e entregar tudo isso prontinho. Isso é a ‘economia do mar’.
Pronto! Você agora já sabe que a economia do mar é muito importante para a sociedade, especialmente por gerar muitos empregos. Agora, feche os olhos…

Imagine a água do mar salgada e limpinha, os pescadores com suas redes, as ondas batendo na areia, as algas da floresta azul dançando com o balanço do mar, os corais (animais que mais parecem plantas) colorindo o fundo do mar… Imagine também peixes brilhantes, luminosos ou de uma cor só nadando ao lado de tartarugas, baleias, polvos, tubarões e golfinhos.

A sensação de imaginar foi boa? Então, abra os olhos e lembre-se sempre de preservar esse mar gigantesco! Todos dependem do mar para respirar um ar puro e milhões de pessoas dependem do mar para sobreviver.

Uma das atitudes que você, morando perto ou longe do mar, pode tomar para preservar o oceano é separar o lixo para reciclagem e descartá-lo no local correto. Assim podemos continuar aproveitando o belo gigante azul com suas florestas, animais e atividades.

Cuidando direitinho o mar e a economia do mar nunca irão nos faltar!

Andrea Bento Carvalho
Universidade Federal do Rio Grande

Um mar de possibilidades

Tudo o que conversamos sobre oceano em 2021 está aqui resumidinho para você!

Foto Mathew Waters/Unsplash

O ano de 2021 foi desafiante, mas também surpreendente para você que navegou no horizonte azul desta coluna. Vamos fazer uma lista de tudo que aprendemos nessa jornada?

Primeiro, descobrimos o principal motivo para conhecermos o oceano: ele está em apuros e a culpa é nossa. Por isso, apresentamos a Década do Oceano, ou seja, temos dez anos para transformar o nosso conhecimento e nossa relação com o oceano para garantir que ele seja limpo, saudável, produtivo, previsível, seguro, transparente, inspirador e envolvente.

O que veio depois? A problemática da poluição marinha. Vimosque toneladas de sujeira são descartadas no ambiente, boa parte chegando ao mar, o que traz grandes prejuízos. É bom deixar registrado que a maioria dos problemas marinhos tem origem de ações em terra!

Em seguida, continuamos tratando dos impactos no ambiente marinho. Parecido com uma pessoa com diferentes doenças, o oceano está mal. Por exemplo, a queima de combustíveis fósseis como a gasolina, que gera resíduos como o gás carbônico, aumenta a temperatura da Terra e do oceano e torna a água mais quente e mais ácida, prejudicando a vida de muitos seres vivos.

E quando o assunto é alimentação…Vimos que o oceano tem papel fundamental nesse desafio! E não é só ofertando saborosos peixes e frutos do mar – que precisam ser consumidos com cautela, pois não tem dado tempo para que eles consigam nascer, crescer e reproduzir. O oceano participa do ciclo da água, na distribuição das chuvas e no clima da Terra. E se uma plantação precisa de água para crescer, a existência do oceano é indispensável para a produção de alimentos em terra firme.

Soubemos ainda que o oceano tem uma grande importância na economia e na geração de empregos. Além da produção de alimentos, ele é fonte de combustíveis fósseis, além de grande potencial para o desenvolvimento de energias limpas e renováveis, a partir do vento, ondas e marés. E essa discussão revela porque o oceano e o clima têm tudo a ver.

Descobrimos também alguns perigos do mar e como podemos enfrentá-los. Ondas altas e fortes, marés anormais, erosão das praias, tempestades e elevação do nível do mar… tudo isso nos assusta, mas com informação e ação podemos conhecer, nos antecipar e nos proteger desses perigos. E o que temos de fazer? Aprender a observar o oceano! A compreensão das frentes frias no oceano, do sobe e desce da maré, por exemplo, protege os navegadores.
Ah, sim! Você ficou sabendo que conhecemos mais sobre a superfície da lua, do que sobre o fundo do oceano. E descobriu que, a partir de um sonar, aparelho capaz de medir a profundidade e o relevo embaixo da água por meio da propagação do som na água, é possível conhecer lugares nunca vistos. E o que há no fundo do mar? Planícies, fossas e cadeias de montanhas que esperamos conhecer completamente até 2030.

Além de tudo isso, descobrimos que coletar mais informações sobre o oceano depende de diferentes equipamentos, já que o ser humano não pode mergulhar mais do que 300 metros de profundidade e que o oceano tem uma profundidade média de quatro mil metros!

Por fim, o oceano e você… Não importa quem é você, a verdade é que você está direta ou indiretamente relacionado com o oceano, seja por respirar, chover na sua plantação, comer num restaurante japonês, temperar a comida com sal, fazer funcionar o carro com gasolina e muito mais!

Ufa, quanta coisa a gente aprendeu, hein? O oceano nunca mais vai ser o mesmo para você. Nem para mim… Sabe o que é melhor? Em 2022 tem mais!!!

Tássia Biazon, Monique Rached
Alexander Turra

Instituto Oceanográfico
Universidade de São Paulo

Matéria publicada em 29.12.2021

COMENTÁRIOS

  • Jeovana Luiza

    Haha, muito legal, conheci a CHC em setembro/outubro/2021, pelo livro da escola, porque eu gosto acessar os sites com o endereço, aí eu descobri. O meu livro é da editora Conquista/Positivo.

    Publicado em 19 de janeiro de 2022 Responder

  • joao

    muito legal conhecer coisas novas

    Publicado em 16 de fevereiro de 2022 Responder

  • Estudantes

    FLORESTA AZUL?
    Olá, pessoal da CHC! Somos os estudantes do 6° ano, do apoio pedagógico da professora Denise. Queremos saber mais coisas sobre a floresta azul. Aprendemos que a floresta azul produz oxigênio e por ela passa os cabos de internet. Nós gostamos muito e queremos saber mais!

    Obrigado CHC. Até a próxima!

    Publicado em 23 de fevereiro de 2022 Responder

    • wendel.

      professora denise ja li mais de 5 vezes fica mais legal a cada minuto tchau

      Publicado em 25 de fevereiro de 2022 Responder

  • FLORESTA AZUL?

    FLORESTA AZUL?

    Olá, CHC! Tudo bem? Aqui é do 6º ano C, do CEU EMEF Maria Clara Machado. Lemos a matéria “Floresta Azul?” E achamos muito interessante, queremos aprender mais sobre esse espaço debaixo da água. Gostaríamos de saber todas as novidades que estão por vim!

    Um beijo. Tchau – 6 º ano C.

    Publicado em 23 de fevereiro de 2022 Responder

  • Nanyxx Gomide

    ADOREIIII!!! SUPER LEGAL!! ESTUDANTE DO 5 ANO AQUI!!

    Publicado em 24 de fevereiro de 2022 Responder

  • Tamires

    Olá CHC, aqui quem fala é a Professora Tamires em nome de toda a turma do 3° ano B da escola Objetivo Lorena – SP, primeiramente queremos parabenizá-los pelo lindo trabalho. A turma gostou demais da “floresta azul”, principalmente por ser embaixo d’água, achamos muito interessante os fios aquáticos. Um grande abraço!!!

    Publicado em 25 de fevereiro de 2022 Responder

  • thiago

    De baixo d”agua existe uma floresta tão importante que as que temos em terra firme
    Olá c.h.c! Sou aluno do 5º B meu nome é Thiago tenho 11 anos sou da E.E. Recreio Alvorada, gostei muito dessa matéria, pq fala do mar, gosto muito de mar, por isso quis comentar, queria q vcs fizesse uma matéria de mostro marinhos, com todo carinho tchau:)

    Publicado em 23 de março de 2022 Responder

  • Arthur

    Nossa esse texto vai me ajudar numa prova daqui a dois dias, muito legal esse texto pois tem rimas ensina sobre o mar e também fala sobre a economia, eu quero dar um parabéns para essa pessoa que criou esse texto.

    Publicado em 18 de junho de 2022 Responder

  • Breno

    1/11/2023 Vitória
    Olá equipe da CHC!
    Meu nome é Breno, tenho 8 anos, estudo no Colégio Sagrado Coração de Maria e estudo no terceiro ano no ensino fundamental
    Eu quero falar que eu adorei a edição da floresta azul que é essa. Vocês podem lançar uma edição de futebol por favor? Eu adoraria!

    Tchau,
    Breno.

    Publicado em 1 de novembro de 2023 Responder

Envie um comentário

CONTEÚDO RELACIONADO

Quem protege os meros?

Peixes que podem ser maiores do que humanos estão ameaçados de extinção.

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.