A estrada é pela água

O transporte marítimo é importante para todos, mesmo para quem está longe do oceano

Ilustração Walter Vasconcelos

Você anda mais de ônibus? De metrô? De trem? De carro? Nas cidades, esses são os meios de transporte coletivos mais comuns. Mas, em algumas localidades, as pessoas também costumam andar de barco. Já o avião, as pessoas geralmente pegam para fazer viagens de grandes distâncias. E os navios? Essas grandes embarcações também podem ser destinadas ao transporte de pessoas, mas, na maioria das vezes, são usadas para transporte de mercadorias.

Sabia que, enquanto você lê esse texto, há cerca de 100 mil embarcações na superfície do oceano? É verdade! O transporte marítimo é um dos mais importantes do mundo. Atravessando o oceano, diferentes produtos chegam aos seus destinos – produtos que podem ser pequenos, como grãos, ou grandes, como automóveis.

O transporte marítimo é realizado em embarcações específicas e as cargas são divididas da seguinte maneira: granéis sólidos (minério, carvão e grãos), granéis líquidos (petróleo e seus derivados) e contêineres (que são aquelas grandes caixas de metal que você consegue ver empilhadas se passar por algum navio cargueiro ou porto).

Quase todas as cargas do comércio mundial são movimentadas por meio de transporte marítimo. Provavelmente, várias coisas do seu dia a dia, antes de chegarem às suas mãos, fizeram uma longa viagem pelo oceano!

Mas essa história também tem um outro lado: o tráfego marítimo, assim como o terrestre e o aéreo, provoca poluição. O descarte de água de lastro (que é a água do mar captada e descartada pelo navio ao longo da viagem), a lavagem de tanques de navios, o vazamento de cargas e combustíveis e a poluição do ar pela queima de combustível são alguns exemplos.

Há soluções para tornar o transporte marítimo mais sustentável, como gastar menos combustíveis e usar energia mais limpa, ou seja, com menos elementos poluentes. Exemplo? Refazer a rota dos navios, escolhendo caminhos melhores, sem ventos e com menos ondas, contribui para reduzir o gasto de combustível e, consequentemente, a poluição.

A história da navegação tem milênios! Você já deve ter aprendido sobre as viagens marítimas em busca de novas terras ou para explorar diferentes culturas ou para estabelecer um grande comércio mundial… Isso nos mostra que a importância do transporte marítimo para qualquer um de nós, até mesmo para quem nunca viu o mar, é enorme. Mas… o oceano não pode sofrer. Então, vamos ficar atentos! Combinado?


Tássia Biazon
Cátedra UNESCO para Sustentabilidade do Oceano
Universidade de São Paulo

Bernardo Andrade
Departamento de Engenharia Naval Oceânica
Escola Politécnica da Universidade de São Paulo

Matéria publicada em 24.05.2022

COMENTÁRIOS

CONTEÚDO RELACIONADO

Monumento ao Dois de Julho

Ele fica em Salvador, na Bahia, e é um marco no processo de Independência do Brasil

Uma conversa sobre cobras gigantes

Anacondas ou sucuris são serpentes que podem chegar a alguns metros de comprimento, mas não tanto quanto nos filmes!