A Samaúma que escondia a luz

Conto indígena Ticuna

Ilustração Bruna Assis Brasil

Houve um tempo em que, na Terra, tudo era escuro, frio, sem vida. Era sempre noite. Não havia luz porque uma samaúma enorme cobria o planeta, impedindo que a claridade do Sol se espalhasse pelo mundo.

Yo’i e Ipi, dois irmãos, queriam mudar a situação: – O que podemos fazer para iluminar o mundo? –, pensaram. E, de uma árvore chamada arara tucupi, pegaram o caroço de um fruto  e atiraram na samaúma para ver se havia luz atrás da copa da árvore gigante.

Através de um buraquinho, os irmãos avistaram algo: um bicho-preguiça enorme! O animal segurava com força os galhos da samaúma, que ficavam presos no céu, escondendo a luz.

Não demorou para que os irmãos começassem a jogar vários caroços de arara tucupi na copa da samaúma, abrindo inúmeras clareiras. Reza a lenda, que esses pontos abertos deram origem às estrelas do céu. Mas aquela ainda não era a claridade que Yo’i e Ipi buscavam.

Tiveram a ideia de reunir os outros animais da floresta para derrubar a grande árvore. Chamaram a onça, o macaco, a cobra, a arara, mas nenhum deles conseguiu. Resolveram, então, convidar taine, um pequeno roedor. Como era bem miúdo, passaria pelos galhos sem ser visto pela grande preguiça.

Muito esperto, taine sabia o que fazer para a preguiça largar os galhos da samaúma e permitir a iluminação da Terra. Pegou formigas-de-fogo e acertou bem nos olhos da preguiça, que imediatamente deu um grito, largou os galhos que tapavam a luz do Sol e deixou a luz se espalhar por toda a Terra.

 

Este conto, livremente adaptado pela CHC, foi extraído da cultura Ticuna, grupo indígena da região amazônica.

Fonte: http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/me002040.pdf

Matéria publicada em 17.09.2020

COMENTÁRIOS

  • Lorenzo

    Nossa parabéns! Que historia legal. Me deu mais conhecimento.

    Publicado em 17 de setembro de 2020 Responder

  • Maria Eduarda Celino

    19 de setembro
    Oiiii equipe CHC

    Amei a história párabens!!!

    Publicado em 18 de setembro de 2020 Responder

  • Maria Eduarda Moraes de Souza

    Maria Eduarda Moraes de Souza

    Publicado em 21 de setembro de 2020 Responder

  • Maria Eduarda Moraes de Souza

    Adorei essa historia

    Publicado em 21 de setembro de 2020 Responder

  • Maria Eduarda Moraes de Souza

    👍 gostei

    Publicado em 21 de setembro de 2020 Responder

  • Nicole Queiroz ferreira

    eu achei essa historia muito legal

    Publicado em 21 de setembro de 2020 Responder

  • Raiana Moraes

    eu amei a história ❤💕💞💓💗💖💘💟💌😍😘🥰🤩😚👍

    Publicado em 22 de setembro de 2020 Responder

  • cecilia lamartine xavier

    muito legal parabens que continuem nesse ritimo!

    Publicado em 22 de setembro de 2020 Responder

  • TALITA

    oi peoal do chc achei muito
    legal a historia
    rtchau .

    Publicado em 22 de setembro de 2020 Responder

  • Catarina

    Muito interessante essa história, um beijo para o pessoal da CHC!

    Publicado em 23 de setembro de 2020 Responder

  • Marina

    Eu queria saber: o que aconteceu com a preguiça coitada

    Publicado em 23 de setembro de 2020 Responder

  • Isaac

    Muito legal mas com os eles estavam vendo as coisas se estavam no escuro

    Publicado em 23 de setembro de 2020 Responder

  • Eriely ♥️♥️

    Eu amei

    Publicado em 24 de setembro de 2020 Responder

  • GUILHERME SOUZA CHRISTO

    Leopoldina, 25 de setembro de 2020
    olá CHC eu sou Guilherme tenho 9 anos eu amei a matéria espero que tenha muitas e muitas matérias novas até outro dia tchau

    Publicado em 25 de setembro de 2020 Responder

  • Alice Vitória Da Fé Teixeira Oliveira

    Achei muito legal só queria saber como ficou a preguiça. Beijos turma da CHC.

    Publicado em 27 de setembro de 2020 Responder

  • BARBARA PALEARI

    amei a história.parabéns!

    Publicado em 29 de setembro de 2020 Responder

  • João Pedro Eduardo

    Goatei da historia CHC.

    Publicado em 30 de setembro de 2020 Responder

    • Nicoly Vieira Da Silva🤞💋🖤

      Eu amei essa história principalmente por que eles conseguiram trazer luz do sol para a aldeia 😍🤞🖤🖤🖤🖤💖💖💖💖💋💋💋💋💋Eu espero ouvir mais histórias legais assim

      Publicado em 7 de outubro de 2020 Responder

      • rebecca umi

        que maneiro!!!

        Publicado em 8 de outubro de 2020

  • Alice Temi Shirazawa Naves

    Nossa amei a historia, a parte que eu mais gostei foi aquela em que os dois irmãos conseguiram a luz .

    Publicado em 30 de setembro de 2020 Responder

  • Débora Rodrigues Monteiro 3 ano A

    Gostei palavras sobre um bicho preguiça que era bem grande que tava a luz então os índios pegaram caroços jogaram nele mas não tirou ele

    Publicado em 30 de setembro de 2020 Responder

  • Andreza

    Adorei !!!

    Publicado em 1 de outubro de 2020 Responder

  • Lara Ferreira Araujo

    Olá CHC sou a Lara Ferreira Araújo , estudo na escola E. E. Marechal Floriano , moro em São Paulo
    Hoje vim falar sobre ” A samaúma que escondia a luz ” , ele é muito interessante que eles não destiram de ver o sol e o dia , achei interessante também por que eu não sabia o que era caroços de arara tucupi que foi com eles que yo ‘ i e ipi consiguiram fazer burac0s na árvore samaúma espero que vocés publiquem mais coisas sobre as árvores e florestas .
    até breve !
    Lara Ferreira Araújo
    tenho 10 anos estudante moro em São Paulo

    Publicado em 1 de outubro de 2020 Responder

  • lavinia luchesse

    ameiiiiii

    Publicado em 2 de outubro de 2020 Responder

  • laura gabrielly lima

    amei a historia compartilhei com os meus amigos e eles amaram e ate a minha prof cleoni gomes faz outra historia indigina por favor se sim obrigada beijos da laura e da turma 3 ano do cologio leme amstalden

    Publicado em 5 de outubro de 2020 Responder

  • laura gabrielly lima

    eu tenho 8 anos e sou da cidade maracai e uma cidade pequena do estado sp

    Publicado em 5 de outubro de 2020 Responder

  • Isabella Aramaqui

    Achei essa historia muito legal 😃
    Eu amo a chc

    Publicado em 5 de outubro de 2020 Responder

  • Isabella Aramaqui

    Olá meu nome é Isabella, achei essa historia muito legal 😃
    Eu amo a chc

    Publicado em 5 de outubro de 2020 Responder

  • Giulya Antunes

    Adorei a história, parabéns ❤️

    Publicado em 7 de outubro de 2020 Responder

  • Heloísa Alves de Moura Veloso

    CHC meu nome é Heloísa Alves Gostei muito da revista Conto Indígena Ticuna

    Publicado em 8 de outubro de 2020 Responder

  • IVANETE SEIXAS LOPES SOUSA

    A leitura seja ela qual for, ler por prazer ou para estudar ela sempre traz é de grande importância para o nosso aprendizado, alem de aprimorar a escrita e o nosso vocabulário.
    Essa história eu não conhecia, gostei muito sendo ela de grande valia para o meu aprendizado.

    Publicado em 8 de outubro de 2020 Responder

  • julia Alves

    julia

    Publicado em 9 de outubro de 2020 Responder

  • Emilly Cristina de Lacerda Gomes

    Eu amei. Acho qui em vez de espantar a preguiça deveriam ser amigos dela. Apenas uma opinião mesmo assim eu amei.

    Publicado em 13 de outubro de 2020 Responder

  • Eduardo Alves monteiro

    Eu ameiii

    Publicado em 13 de outubro de 2020 Responder

  • Sexo

    oii

    Publicado em 19 de outubro de 2020 Responder

  • Sexo

    oii galera kkk tenho 19 anos e vcs

    Publicado em 19 de outubro de 2020 Responder

  • JOÃO VITOR MOKI OLIVEIRA

    maneiro

    Publicado em 19 de outubro de 2020 Responder

  • Tiago

    Gostei muito.

    Publicado em 20 de outubro de 2020 Responder

  • Luiz Fillipe M. Lacerda Lopes

    Gosteiii muito👊👊👊👏espero ter mais estórias legais como essa😘😘iluminou meu coração ❤❤❤❤❤❤❤

    Publicado em 20 de outubro de 2020 Responder

  • Nicolly ÀGTHA DeZena

    Gostei muito dessa história essa história ela falou do irmão ela falou que falou da vou dar à luz então isso daí eu gostei muito foi muito legal

    Publicado em 20 de outubro de 2020 Responder

Envie um comentário

CONTEÚDO RELACIONADO

Cateretê

Dança tradicional (domínio público)

Bala que se transforma

A ciência costuma dar nomes engraçados para as coisas. Na mistura de água com açúcar, o açúcar é chamado soluto e a água, solvente.