Fazendo as pazes

Se você já brigou com alguém de quem gostava muito, provavelmente ficou bem ansioso para fazer logo as pazes, não foi? Pois saiba que esse comportamento não é exclusividade dos humanos: os cangurus também gostam de ficar de bem após um desentendimento. É o que mostra um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Pisa, na Itália.

Os 16 cangurus da espécie <i>Macropus rufogriseus</i> foram observados em um zoológico em Berlim, na Alemanha. (foto: Giada Cordoni)

Os 16 cangurus da espécie Macropus rufogriseus foram observados em um zoológico em Berlim, na Alemanha. (foto: Giada Cordoni)

Curiosos para saber como esses mamíferos se comportavam após uma briga, a equipe observou um grupo de 16 cangurus da espécie Macropus rufogriseus em um zoológico em Berlim, na Alemanha. As brigas eram caracterizadas por agressões como mordidas, empurrões e chutes. Quando se reconciliavam, os cangurus faziam demonstrações de carinho, como brincadeiras e lambidinhas.

Após passar 90 horas observando os animais, a equipe notou que, depois que brigam, os cangurus levam apenas dois minutos para fazer as pazes. No entanto, isso só acontece quando a briga é leve. “Se for agredido com intensidade, o canguru evita tentar a reconciliação por medo de ser agredido novamente”, explica a bióloga Giada Cordoni, coautora do estudo.

Mamíferos como os cães, que dependem da vida em grupo para sobreviver, fazem as pazes mesmo depois de uma briga feia. “Os cangurus vivem em grupos de 10 a 30 indivíduos, mas podem viver bem sozinhos. Por isso, eles preferem avaliar se a reconciliação vale ou não a pena”, completa a pesquisadora.

Quando brigam, os cangurus procuram fazer logo as pazes e melhorar a convivência em grupo. (foto: Ivan Norscia)

Quando brigam, os cangurus procuram fazer logo as pazes e melhorar a convivência em grupo. (foto: Ivan Norscia)

Além de melhorar a convivência em grupo, a reconciliação mostrou ser um bom remédio contra a ansiedade dos cangurus. A bióloga conta que, após uma briga, os cangurus ficavam estressados e começavam a se coçar com frequência, comportamento que já era conhecido como sinal de estresse e ansiedade. “Identificamos que, quando se reconciliavam, os cangurus passavam a se coçar menos, sugerindo que a reconciliação funciona como um comportamento que diminui o estresse desses animais”, explica.

Os pesquisadores também notaram que, depois que faziam as pazes, os cangurus passavam a brigar menos e ficavam mais próximos. A paz reinava novamente no zoológico!

Matéria publicada em 12.03.2014

COMENTÁRIOS

  • Anna Elise

    Gostei de saber sobre esses cangurus briguentos!

    Publicado em 17 de fevereiro de 2019 Responder

Mariana Rocha

Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?