Bichos no selo

Não se espante caso você receba uma carta e veja no envelope a estampa de um elefante ou de um leão. Esses dois animais foram alguns dos escolhidos para ilustrar selos produzidos pelos Correios. A coleção que destaca os habitantes dos zôos brasileiros traz também o tigre, o chimpanzé, a arara-vermelha-grande e a girafa.

Uma votação popular elegeu estes seis bichos para ilustrar selos produzidos pelos Correios.

Os animais foram selecionados por meio da votação popular Bote o bicho no selo, que contou com a participação de milhares de pessoas e foi promovida na página virtual dos Correios, em parceria com a Sociedade de Zoológicos do Brasil. Dos 36 animais propostos para votação, seis foram escolhidos para brilhar em selos brasileiros. Todos são representantes da fauna de outras regiões do mundo, com exceção da arara-vermelha-grande, que mora na Amazônia.

O fato de a maioria dos animais ser nativa de outros países do mundo, porém, não interfere no sucesso que os bichos fazem nos zoológicos do Brasil. “Nós, técnicos de zoológicos, já esperávamos esse resultado, que demonstra a grande missão que temos de ensinar e mostrar à população brasileira a grande biodiversidade de nossa fauna. Infelizmente, a mídia quase sempre retrata somente os grandes representantes da fauna africana, sendo muito raros documentários sobre a fauna de nosso continente”, explica Luiz Antonio da Silva Pires, diretor de comunicação da Sociedade de Zoológicos do Brasil.

Para o médico veterinário Carlos Eduardo Verona, do Instituto Brasileiro para Medicina da Conservação e da Escola de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz, o resultado mostra a falta de programas de educação ambiental com animais da fauna brasileira, que deveriam ser aplicados também nas escolas e divulgados pelos meios de comunicação. Segundo ele, os zôos prestam um grande serviço porque mostram o animal “ao vivo”, seus hábitos, além de aumentar o interesse do público, mas somente com projetos desse tipo é que será possível competir com bichos como leões, girafas e elefantes. “É claro que eles são importantes, mas nós, brasileiros, precisamos conhecer mais sobre a nossa fauna para entendermos sua grande importância e para podermos preservá-la enquanto ainda temos tempo”, aconselha.

Representantes de norte a sul do Brasil
Cada animal escolhido para aparecer nos selos dos Correios representa uma região do país:
Arara-vermelha-grande: Região Norte
Tigre: Região Sul
Leão-africano: Região Nordeste
Elefante-africano: Região Sudeste
Girafa: Região Centro-Oeste
O chimpanzé foi um dos animais indicados pela Sociedade de Zoológicos do Brasil para votação e é preferência nacional.

Na votação feita pelos Correios, cada animal escolhido pelo público – mesmo os que não vivem no Brasil – representa uma região do nosso país. A arara-vermelha-grande, por exemplo, simboliza a região Norte, uma escolha bastante apropriada, já que a ave é encontrada na Amazônia e pode ser vista na coleção de animais do Parque Zoobotânico do Museu Paraense Emílio Goeldi. O lugar abriga somente animais amazônicos e é considerado o primeiro zoológico do Brasil.

Ao analisar o fato de a arara-vermelha-grande ser a única representante brasileira entre os animais escolhidos para estampar selos em nosso país, Nelson Sanjad, coordenador de comunicação e extensão do Museu Goeldi, afirma que a escolha do público foi guiada também pela simpatia. “No processo de seleção, o público votou nos animais mais queridos. E os animais mais queridos ou mais curiosos continuam sendo o leão, o tigre, a girafa, o elefante e o chimpanzé, graças à influência da literatura, do cinema e da televisão. Esse resultado, contudo, não deixa de provocar uma reflexão sobre o papel dos zoológicos na divulgação da fauna brasileira e no interesse da sociedade pela conservação dos animais que vivem em nosso território. Pessoalmente, acredito que poderíamos fazer mais”, diz ele.

Os zoológicos, de fato, são espaços importantes para a conservação das diversas espécies de animais, além de ser lugar de pesquisa, educação ambiental e lazer. Então, o que você acha de saber um pouquinho mais sobre eles? Clique aqui e continue essa leitura!

Matéria publicada em 21.07.2010

COMENTÁRIOS

Cathia Abreu

Adoro aprender coisas novas. Tenho a sorte de trabalhar me divertindo e fazendo descobertas todos os dias.

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?