Tatu engenheiro

O maior dos tatus constrói moradias para si e para muitos outros bichos

O tatu-canastra vive em muitas partes do Brasil, principalmente em cerrados e florestas. Por ser mais ativo à noite, é bastante difícil encontrá-lo.
Foto Bradley Davis / CC BY-NC 4.0

O Brasil é lar de 12 espécies de tatus, mamíferos famosos por terem uma carapaça formada por vários ossos cobertos por uma pele dura. Tatu-peba, tatu-galinha, tatu-bola… São muitos tipos de tatus! Mas o maior deles é o tatu-canastra, que pode medir até um metro e meio de comprimento e pesar 50 quilos. Um gigante!

Com suas patas poderosas e longas garras, o tatu-canastra escava tocas no solo, com cerca de 50 centímetros de largura e até cinco metros de profundidade! Mas o tatu-canastra não passa a vida toda em uma toca apenas. De tempos em tempos, cada tatu escava novas tocas, especialmente onde há cupinzeiros, pois os cupins são seu principal alimento.

Recentemente, cientistas fizeram registros inéditos de quatro espécies de lagartos utilizando tocas de tatu-canastra: o ameiva-comum, o teiú-mascarado, o teiú-comum e o teiú-do-cerrado. Os registros foram feitos com armadilhas fotográficas – câmeras automáticas ativadas por sensores de calor ou de movimento – espalhadas pelo Parque Natural Municipal do Pombo, no estado do Mato Grosso do Sul. Mas por que os lagartos estavam usando as tocas dos tatus?


henrique-caldeira

Henrique Caldeira Costa,
Departamento de Zoologia
Universidade Federal de Juiz de Fora

Sou biólogo e muito curioso. Desde criança tenho interesse em pesquisar os seres vivos, especialmente o mundo animal. Vamos fazer descobertas incríveis aqui!

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Quem protege os meros?

Peixes que podem ser maiores do que humanos estão ameaçados de extinção.

Mar, misterioso mar!

Cheio de vida e de surpresas, o oceano mexe com a imaginação da gente.