DNA comestível

O que acontece com um cientista quando ele tem uma idéia brilhante? Uma lâmpada acende na sua cabeça ou o cérebro esquenta? Nenhuma das respostas anteriores. Qualquer grande cientista pode afirmar que uma descoberta não é fruto do acaso e sim de muito estudo, pesquisas e também de experimentos. Com James Watson e Francis Crick não foi diferente. Você já ouviu falar deles?

Watson e Crick estavam curiosos para saber qual o formato da molécula de DNA. A fim de investigá-la, coletaram informações em estudos realizados por outros cientistas que também pesquisavam o mesmo assunto. Quando eles reuniram dados suficientes, inovaram: pela primeira vez na história da ciência, bolas de plásticos, arames e placas de metal foram usadas para reproduzir uma estrutura do organismo humano. Assim, foi construído o primeiro modelo de DNA! Watson e Crick, em 1953, demonstraram que a molécula de DNA humano tem o formato de dupla hélice (veja a figura). Nove anos mais tarde, essa descoberta lhes rendeu o maior reconhecimento entre os pesquisadores: o Prêmio Nobel.

Que tal adaptar a descoberta de 1953 e fazer uma amostra de DNA comestível? Você vai precisar de um saco de jujubas de 200 gramas, uma caixa de palitos de dentes, arame nº 28 (usado para fazer armação de bolo, à venda em casa de festas) e uma tesoura (sem ponta para não se machucar!). Siga os passos

1. Corte o arame em dois pedaços iguais de 40 centímetros cada um.

2. Separe quatro cores de jujuba para fazer pares entre os fios de arame. Você pode casar, por exemplo, a verde com a laranja e vermelha com a amarela. E deve se lembrar que, ao longo de todo o DNA, esses pares de cores devem ser respeitados.

3. Coloque os palitos entre as jujubas para fazer a ligação entre os arames.

4. Torça lentamente cada parte do arame e… Pronto!

Agora que você já tem sua própria amostra de DNA humano, anote: os palitos representam as ligações entre as pequenas moléculas, simbolizadas pelas jujubas. Trechos de DNA, de aparência semelhante ao que você acaba de fazer, podem representar nossos genes — que são uma espécie de arquivo do corpo, pois guardam todas as informações de nossas características físicas. Depois de exibir seu conhecimento pela casa, delicie-se comendo o seu DNA!

Matéria publicada em 28.04.2010

COMENTÁRIOS

  • Mágico Xavier

    Olá!

    Eu sou o Mágico Xavier! Por favor leia o texto até o fim, pois não sou um mágico qualquer. Faço mágicas com um objetivo muito maior que entreter as pessoas, na verdade eu utilizo os meus truques em palestras para empresas, afim de torná-las mais atrativas e interessantes. Isso mesmo! Posso tornar suas palestras empresariais muito melhores e eficazes!

    As Mágicas realizadas são ferramentas de transmissão e fixação de conteúdo, além de manter a atenção, sensibilizando, despertando e motivando os espectadores em ter uma conduta melhor dentro e fora do ambiente de trabalho.

    São números com cordas, lenços, flores, fogo, líquidos, garrafas e muito mais, tudo com muita segurança, participação do público e uma bela pitada de humor.
    Você deve estar pensando: e o conteúdo da palestra? Bem, ele será formulado juntamente com a comissão organizadora. Os temas serão trabalhados de forma objetiva e todas as mágicas terão relação com o que for abordado. Texto elaborado dentro das Políticas e Valores da Empresa contratada, bem como de acordo com o briefing do Evento.

    Para não ter dúvidas sobre a qualidade do meu trabalho, acesse o meu site http://www.magicoxavier.com.br e dê uma olhada no que já realizei em todo Brasil.

    Agora que você me conhece melhor, vou te apresentar uma proposta irrecusável! Podemos fazer uma parceria de sucesso! É só enviar um e-mail para magicoxavier@gmail.com.br manifestando o seu interesse ou enviando suas dúvidas.

    Fico no aguardo.

    Abraço!

    Publicado em 2 de julho de 2018 Responder

  • Você já viu um DNA? – Juntos na Casa

    […] podem se inspirar nesse experimento de Watson e Crick, produzindo um DNA delicioso! (LINK para: http://chc.org.br/acervo/dna-comestivel/). Os dois cientistas, muito curiosos para saber o formato da molécula de DNA, reuniram estudos de […]

    Publicado em 1 de dezembro de 2020 Responder

Redação

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!