Piruetas em alto mar

Você já deve ter visto por aí as atletas de ginástica olímpica: pulam e giram no ar. Mas, se tivéssemos que escolher um campeão de acrobacias no reino animal, quem seria? Um bom candidato é o golfinho-rotador, mamífero da espécie Stenella longirostris que vive em Fernando de Noronha, em Pernambuco, e outras praias pelo mundo.

Grupo de golfinhos-rotadores em Fernando de Noronha

O golfinho-rotador passeia pelas águas em grupos grandes, de até 2 mil indivíduos (Foto: José Martins/ Projeto Golfinho Rotador)

Quando quer passar uma mensagem para outro golfinho, o rotador salta acima da água e gira em torno do próprio corpo, como uma bailarina. Sua queda após o giro emite sons úteis na comunicação desta espécie, que costuma andar em grupos grandes, com cerca de 2 mil indivíduos. Além disso, os rotadores também podem conversar batendo a cauda ou a cabeça na água.

Confira o salto do golfinho-rotador:

O Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha é o lugar do mundo com a maior concentração de golfinhos-rotadores. Lá, o Projeto Golfinho Rotador, que faz parte do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade e é patrocinado pela Petrobras, estuda e preserva esses animais há 21 anos.

“Os golfinhos são monitorados sete horas por dia e crianças e adultos da comunidade local participam de programas sobre conservação da natureza”, conta o oceanógrafo José Martins, coordenador do projeto. Tudo para garantir que os rotadores continuem exibindo suas acrobacias pelas águas de Noronha!

Matéria publicada em 07.12.2011

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Mariana Rocha

Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat