COMPARTILHE:

[print-button target='#areaImpressao']

Ciência Hoje das Crianças


Conteúdo do Link: http://chc.org.br/e-se/

E se…

… um cometa não tivesse atingido a Terra? Os dinossauros ainda estariam vivos?

Blogue do Rex - 05-01-2016 Pré-História Imprimir Pdf

Quando esta pergunta chegou aqui na redação, a curiosidade foi geral – inclusive eu, que sou um dinossauro fictício, adoraria saber se ainda teria parentes de carne e osso. Cada um começou a dar o seu palpite, e todos queriam responder à dúvida do leitor Pedro. Mas decidimos ir atrás de um especialista: o paleontólogo Alexander Kellner, do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, topou ajudar. E a resposta dele foi mais surpreendente que a pergunta…

(ilustração: Marcello Araújo)

(ilustração: Marcello Araújo)

Ele disse: “Os dinossauros NÃO estão extintos! Sim, meu caro Pedro, essa afirmação deve ser uma grande surpresa para você. No entanto, um grupo desses vertebrados sobreviveu e está presente nos dias de hoje, sendo, inclusive, bastante numeroso: as aves”, escreveu Alexander. “Novas descobertas da paleontologia, em particular incríveis achados em depósitos da China, demonstraram que as aves são derivadas de um grupo de dinossauros – os dromeossaurídeos. Sendo assim, tecnicamente, esses vertebrados emplumados são considerados como dinossauros que se modificaram ao longo do tempo, desenvolvendo a atividade de voo”.

Está de queixo caído? Mas vamos continuar.

“Já se pensarmos nos dinossauros mais típicos, como espécies semelhantes ao T. rex (um carnívoro) e parentes do Maxakalisaurus (um herbívoro), esses, sim, se extinguiram com o impacto de um corpo celeste há aproximadamente 66 milhões de anos”, esclarece o especialista. “Se esse impacto não tivesse acontecido, certamente esses tipos de dinossauros ainda estariam presentes”.

Se não tivessem desaparecido, os dinossauros não-avianos teriam continuado sua evolução, adaptando-se às mudanças no ambiente. Que cara eles teriam hoje? Impossível prever!

E sabe o que seria mais curioso? Sem a extinção dos dinossauros não-avianos, talvez a espécie humana nunca tivesse aparecido! “Foi depois da extinção dos dinossauros não-avianos que os mamíferos se diversificaram e passaram a dominar os ecossistemas. Sem o impacto que modificou de forma definitiva a flora e fauna do nosso planeta, talvez nós não tivéssemos surgido”, imagina Alexander.

Durma com um barulho desses…

Rex , Ciência Hoje das Crianças
Sou o mascote da CHC. Troquei a pré-história pelo mundo virtual para mostrar a você o lado curioso e divertido da ciência.

Comentários

Observação: Os comentários publicados abaixo foram enviados por nossos leitores e não necessariamente representam a opinião da Ciência Hoje das Crianças.

  1. Anna Elise Soares Cardoso disse:

    Se eu visse um T.Rex eu faria xixi nas calças e iria desmaiar!!!

  2. luna disse:

    Como sera que a Terra deve ter nascido ?

  3. carlos disse:

    fique muito curioso agora isso e um aprende a mais

  4. José Carlos Ferrante Junior disse:

    Esse matéria é também de um canal do YouTube Você Sabia?

  5. Thais Borges disse:

    Sério!Eu achava que eles não iam se adaptar ao planeta!!!!!Matéria muito curiosa!

  6. Sócrates Nunes disse:

    Fiquei UM POUCO surpreso com a resposta, agora gostaria de perguntar: Ainda existe alguns animais da megafauna,?

  7. Gabriela disse:

    o que!


Deixe o seu comentário!









Conteúdo Relacionado

  • 1001 utilidades

    Na natureza, uma nova função para determinada parte do corpo pode ser a diferença entre sobreviver ou não

    As longas penas do (i)Microraptor gui(/i) já o ajudavam a planar pela floresta densa onde morava. (ilustração: David Krentz)
  • 15 curiosidades pré-históricas

    Estamos chegando ao final do ano. É hora de relembrar alguns dos textos que a CHC apresentou em 2015!

    Reconstrução em vida de (i)Llallawavis scagliai(/i), ‘ave do terror’ que viveu na Argentina há 3,3 milhões de anos. (imagem: Santiago Druetta e Journal of Vertebrate Paleontology)
  • De tudo um pouco

    Vários temas de ciência formam o acervo do Museu Dinâmico Interdisciplinar, no Paraná

    A sala da paleontologia conta com fósseis de animais e plantas já extintos. Esqueletos e réplicas em tamanho real também recheiam o espaço. (foto: Divulgação)
string(31) "lightboxIframe link infografico"

Novidades

Cadastre-se para receber nossas novidades por e-mail.

Seu e-mail