Atividade: dedoche de vírus!

Que tal ter um vírus gigante no seu dedo? Calma, ele não vai causar nada de mal, apenas diversão! Gostou da ideia? Pois, vamos colocar a mão na massa para fazer uma réplica em dedoche do tupanvírus, uma espécie de vírus gigante, que você conheceu no artigo principal desta edição.

Você vai precisar de:

1 pedaço (cerca de 4 centímetros) de conduíte (encontrado em lojas de materiais elétricos);
1 bola de ping-pong ou de isopor (com cerca de 4 centímetros de diâmetro);
cola quente;
tesoura;
tinta plástica da cor de sua preferência.

Atenção!! Para trabalhar com cola quente e tesoura, você deve solicitar a ajuda de um adulto!

Como fazer?

Faça um furo na bola para encaixar o conduíte. Em seguida, cole o conduíte na bola usando a cola quente. Aproveite a cola quente para aplicar em vários pontos da bola, fazendo como se fossem “chifrinhos”. Apare as pontas desses “chifrinhos” com a tesoura. Depois que eles estiverem secos, pinte-os da cor que desejar com tinta plástica. Os olhos podem ser feitos com papel ou comprados prontos em lojas de artesanato. Agora, é só criar uma história e brincar com seu dedoche de vírus gigante!

 

Paulo Marcos Tujal de Oliveira e Lucas Marques Tujal de Oliveira,

Especial para a CHC.

Matéria publicada em 28.11.2019

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Como nasceram todas as histórias

No início da criação do mundo, as histórias ficavam todas em um baú, aos cuidados de Nyame. Então Ananse, uma criatura metade homem e metade aranha, resolveu ir ao céu buscar histórias para contar.

Fala Aqui!

Este é o espaço para você falar com a CHC! Pergunta que a gente responde!