A estrela da semana

Cartaz da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

O que você acha de bancar o arqueólogo por um dia? Ou de trocar a aula do colégio por uma aula em um barco? Se for possível, que tal tentar descobrir, durante o trajeto, por que alguns objetos flutuam, enquanto outros afundam?

Se, na sua opinião, essas opções parecem bons programas, prepare-se, porque os próximos dias prometem. De 3 a 9 de outubro, acontece a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que, neste ano, pretende oferecer mais de duas mil atividades em todo o país. E o que é melhor: todas elas gratuitas.

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia tem o objetivo de chamar a atenção de toda a população, mas, em especial, de jovens e crianças como você para a ciência, destacando a sua importância e o seu impacto na vida de todos nós e no desenvolvimento do nosso país.

Em 2005, o tema da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é “Brasil, olhe para a água”. Não é à toa: em fevereiro deste ano foi definido que o período entre 2005 e 2015 será a Década Brasileira da Água. Dessa forma, muitos eventos que acontecem até o dia nove de outubro vão ter como tema esse valioso recurso e a necessidade de preservá-lo.

No Piauí, por exemplo, acontece uma aula-passeio pelo rio Parnaíba, que está localizado na divisa deste estado com o Maranhão. Quem participar da atividade, que ocorre no dia 7 de outubro, das 7h às 12h, saindo de dois pontos distintos, tem a oportunidade de conhecer facetas diferentes do segundo maior rio do Nordeste em volume de água.

“Na altura de Floriano, um município a cerca de 300 quilômetros de Teresina, a capital do Piauí, o rio Parnaíba ainda é uma fonte viva de água, ao contrário do que ocorre na capital, onde ele sofre um processo de degradação, por conta da urbanização e do despejo de esgoto”, explica Joaquim Campelo, secretário regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, que está envolvido na organização do evento. As crianças que embarcarem nessa aula-passeio no município de São Pedro do Piauí, por sua vez, vão conhecer a nascente do rio Parnaíba, que está localizada ali. Tanto nesse local quanto em Floriano, os tripulantes mirins terão à sua disposição, nos barcos, professores de ciência e de história, além de ecologistas, para passar informações sobre a necessidade de preservar o rio e usar a sua água de forma racional.

No Rio de Janeiro, também há atividades ligadas à água. Mas, desta vez, a bordo de uma barca – e não de um barco! No dia 3 de outubro, com sessões contínuas das 10h às 12h30, as crianças que usam esse meio de transporte para fazer o trajeto entre as cidades do Rio de Janeiro e Niterói têm a chance de participar do Brincando com a Ciência. Muitas brincadeiras vão rolar, sendo que, em todas, serão usados materiais descartáveis que existem nas nossas casas, como garrafas de plásticos. Em um dos experimentos, por exemplo, será mostrado um submarino, que irá revelar o que faz com que materiais indevidamente jogados na água, como lixo e óleo, bóiem ou afundem. Por meio dele, também vamos entender por que a própria barca flutua.

Muitas atividades da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, porém, não estão ligadas ao tema água, mas, sim, a áreas do conhecimento. Nos dias 4 e 5 de outubro, em Vitória, no Espírito Santo, por exemplo, acontece a Oficina de Arqueologia na Escola de Ciência, Biologia e História. Ao participar dela, você vai se sentir um autêntico arqueólogo. Isso porque, como um profissional desse tipo, você irá fazer uma escavação em um sítio arqueológico. Tudo bem que o sítio é de mentirinha: uma caixa de areia, em que diversos objetos estão enterrados. Mas os procedimentos, bem, eles são profissionais mesmo!

Como explica o professor de História Ademir dos Santos Cassilhas, os participantes irão usar pás e pincéis para realizar a escavação, podendo encontrar, durante o trabalho, pedaços de vasos, de panelas de barro, sementes e até mesmo dentes (artificiais, claro!) e ossos (de verdade!). Depois, irão preencher um relatório, relatando onde os achados foram feitos, tentando identificá-los etc.

Atividades tão legais quanto essa, com certeza, vão ocorrer na sua cidade nos próximos dias. Então, fique atento e se informe: visite a página da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia . Clicando no item “Eventos cadastrados”, você descobre o que está previsto para ocorrer no seu município. Programe-se!

 

Matéria publicada em 29.09.2005

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Mara Figueira

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat