Dragões microscópicos

Por essa você não esperava!

Apelidados de dragões da lama, os quinorrincos são seres microscópicos

Que o mundo animal é cheio de criaturas diferentes e surpreendentes, você já deve saber. Mas, muito além de bichos como aves, mamíferos, insetos e outros seres que estamos acostumados a observar, existe uma diversidade de animais tão pequenos, que pouca gente ouviu falar. Quer ver só? Eu aposto que você não conhece os quinorrincos. Acertei?

Os quinorrincos são conhecidos por alguns especialistas como “dragões da lama”. Mas de dragão eles não têm nada! Um quinorrinco não mede mais do que um milímetro de comprimento. São tão pequenos que é preciso um microscópio para enxergá-los. Vivem na areia e na lama dos oceanos do mundo todo, desde as partes mais rasas até 8 mil metros de profundidade!

Na extremidade anterior do seu corpinho comprido e sem patas, eles têm uma boca cheia de espinhos. Além de serem órgãos sensoriais, esses espinhos servem para locomoção. Com um vai e vem da boca, o quinorrinco usa os espinhos para se segurar nos grãos de areia. É essa característica que dá nome ao grupo: quinorrinco vem do grego “Kinorhyncha”, que em português quer dizer: “que se move com o bico”.

Sendo tão pequenos, o que esses animais comem? Ora, seu alimento são criaturas ainda menores do que eles, como algas microscópicas. E, é claro, os quinorrincos são devorados por animais maiores, como camarões, desempenhando um papel importante na teia alimentar dos oceanos. Mas ainda tem muita coisa para se descobrir sobre a vida dos minúsculos dragões da lama marinha. Quem se candidata?

Os cientistas já descobriram cerca de 300 espécies de quinorrincos nos oceanos, mas devem existir muitas mais.
Foto: Herranz e colaboradores, 2022 / Molecular Phylogenetics and Evolution / CC BY 4.0

henrique-caldeira

Henrique Caldeira Costa,
Departamento de Zoologia
Universidade Federal de Juiz de Fora

Sou biólogo e muito curioso. Desde criança tenho interesse em pesquisar os seres vivos, especialmente o mundo animal. Vamos fazer descobertas incríveis aqui!

Matéria publicada em 04.04.2022

COMENTÁRIOS

  • Théo Gonçalves de Lyrio Moraes

    Vitória, ES, 14 de julho de 2022.
    Olá, Tudo bem, Sr. Henrique?

    Gostei muito da sua matéria, da parte que fala que o quinorrinco come seres menores do que ele, e também, gostei da parte que os cientistas descobriram mais de 300 espécies de quinorrincos nos oceanos. Continue motivando os cientistas a descobrirem muitas, muitas espécies de quinorrincos.
    Meu pai e eu agradecemos pela sua atenção e compreensão.

    Publicado em 14 de julho de 2022 Responder

Envie um comentário

CONTEÚDO RELACIONADO

Campeonato carioca (de samba)!

Qual a origem e o que conta nos desfiles das escolas de samba?

Cofrinho da natureza

Na cultura chinesa, o porco é símbolo de prosperidade e riqueza. Por esta razão, muitos cofrinhos têm o formato desse animal. E se há algo que podemos afirmar com segurança é que “para ter sempre, é preciso poupar”.