Rimas científicas

Um dia desses, a Diná chegou à redação recitando um poema:

Batatinha, quando nasce, espalha ramas pelo chão
Rex, quando dorme, ronca feito um avião!

Apesar de ter ficado bravo quando ouvi esses versinhos, não perdi a pose e aproveitei logo para dar uma dica imperdível: o livro Ciência em versos, que ensina ciência em forma de poesia.

Nele, você vai aprender como funciona a cadeia alimentar, o que tem no espaço sideral e como um cientista trabalha em seu laboratório. Tem até um poema sobre dinossauros! Muito mais legais que os versos da Diná, você não acha?

Ciência em versos
De Jon Scieszka
Ilustrações de Lane Smith
Editora Companhia das Letrinhas

Matéria publicada em 08.08.2012

COMENTÁRIOS

Padrão do site

Sou o mascote da CHC. Troquei a pré-história pelo mundo virtual para mostrar a você o lado curioso e divertido da ciência.

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!