Preservação desde os tempos do Império

Quando o assunto é meio ambiente, todo mundo sabe que a palavra de ordem é preservar. E o Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro, sabe bem disso: está comemorando 150 anos de reflorestamento, uma prática muito importante na recuperação de regiões desmatadas.

Maciço da Tijuca

No meio da cidade do Rio de Janeiro, a Floresta da Tijuca chama atenção por ser uma grande área verde (Foto: Marco Terranova)

A Floresta da Tijuca faz parte da Mata Atlântica, vegetação que cobria todo o litoral brasileiro antes do descobrimento. Com a chegada dos colonizadores, o número de pessoas aumentou muito e várias árvores foram derrubadas para dar espaço a casas e ao cultivo de café.

Mas aí surgiu um problema: essas árvores eram responsáveis por reter a água da chuva, que ia direto para as nascentes dos rios e abastecia as casas. Daí, quanto menos árvores, menos água para a população. Com cada vez mais gente morando no Rio, você pode imaginar o tamanho da confusão!

O imperador Dom Pedro II ficou muito preocupado com a falta de água e, para solucionar o problema, ordenou o reflorestamento da região. “Isso foi muito importante para preservar nosso pedacinho de Mata Atlântica, que hoje tem uma área equivalente a 4 mil campos de futebol”, conta Luiz Fernando Lopes, analista ambiental do parque.

Desde então, o reflorestamento continua sendo feito pelos profissionais que trabalham no parque. Mas até hoje tem gente que atrapalha a recuperação da floresta: a prática de soltar balões, por exemplo, tem causado incêndios que aumentam o desmatamento. “Nas áreas queimadas, é muito difícil fazer o replantio, o que dificulta a tentativa de preservação”, alerta Luiz Fernando.

Lago das Fadas, na Floresta da Tijuca

A Floresta da Tijuca abriga uma grande variedade de animais e plantas. Na foto, a região conhecida como Lago das Fadas (Foto: Thiago Haussig)

Ficou com vontade de saber mais sobre essa floresta bem no meio da Cidade Maravilhosa? Visite o Parque Nacional da Tijuca nessas férias!

Parque Nacional da Tijuca
Horário de Funcionamento: todos os dias das 8h às 17h (18h no verão)
Veja aqui como chegar
Informações: (21) 2492-2252 / 2492-2253
http://www.parquedatijuca.com.br/

Matéria publicada em 19.12.2011

COMENTÁRIOS

  • Anna Elise

    Minha irmã trabalha na Tijuca, vou aproveitar pra pedir a ela para me levar na Floresta da Tijuca!

    Publicado em 25 de novembro de 2018 Responder

  • MIGUEL MONTEIRO SILAVA PIVA

    ADOREI ESSE COMENTARIO DO REFLORESTAMENTO

    Publicado em 28 de outubro de 2020 Responder

  • Luana Borgatto.

    A Mata Atlântica é um dos grandes biomas brasileiros, junto com a Amazònia, Caatinga, Cerrado, Pantanal e Pampa.

    Publicado em 16 de dezembro de 2020 Responder

    • Bakugo

      Que legal né hihi

      Publicado em 11 de abril de 2021 Responder

  • Maria Júlia Oliveira Medeiros

    Eu estou bem ansiosa para saber mais sobre esse história

    Publicado em 17 de março de 2021 Responder

  • Renan da conceição dias nigro

    Preservar o meio ambiente

    Publicado em 25 de março de 2021 Responder

  • Bakugo

    Que legal né hihi

    Publicado em 11 de abril de 2021 Responder

  • Renan da Conceição Dias Nigro

    A floresta da Tijuca antiga uma grande variedade de animais e plantas

    Publicado em 13 de abril de 2021 Responder

  • Renan da Conceição Dias Nigro

    A floresta da Tijuca anbriga uma grande variedades de animais e plantas

    Publicado em 13 de abril de 2021 Responder

Responder Cancelar resposta

Mariana Rocha

Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat