Fim de semana no sítio

Não seria o máximo toda sexta-feira, depois da aula, empacotar as coisas e sair com a família para um fim de semana inteirinho no sítio? E se, além de brincar o tempo todo, você ainda pudesse desvendar o passado do planeta nesse lugar? Pois saiba que um sítio assim existe. Um não, vários! Estamos falando dos sítios geológicos. Também chamados de patrimônios geológicos, eles são locais onde existem rochas, minerais, fósseis ou paisagens que guardam pistas do que aconteceu na Terra desde que ela surgiu.

O registro do fóssil animal mais antigo do Brasil foi encontrado em Corumbá (MS), às margens do Pantanal, onde existe o sítio geológico Geoparque Bodoquena-Pantanal (Foto: Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul)

A geóloga Kátia Mansur, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, conta que os sítios geológicos ajudam os cientistas a entenderem o passado de quase 4,6 bilhões de anos da Terra. Ela explica ainda que eles se formam de três maneiras diferentes: “As rochas podem ser formadas quando o magma esfria e endurece; por acúmulo de minerais, sais ou restos de plantas e animais; ou ainda quando a pressão e a temperatura de um local agem sobre as rochas, transformando seus minerais”.

As cachoeiras, cavernas e dunas como os Lençóis Maranhenses também são resultado de processos geológicos (Foto: Anna Laura D’Avila Wolff)

Segundo o também geólogo Paulo Boggiani, da Universidade de São Paulo, nesses sítios podem ser encontradas pegadas de dinossauros e indícios de geleiras que existiram há muito tempo aqui no Brasil. Pistas como essas não são raras em nosso país. Aliás, você pode estar até andando por essas rochas históricas sem se dar conta disso. “Temos formas de vida registradas em rochas de 2,2 bilhões de anos que foram extraídas dos sítios e utilizadas no piso de muitos shopping centers do Brasil”, explica Paulo.

O Parque Nacional do Varvito, em Itu (SP) mostra rochas formadas em corpos de água, como lagos de ambiente glacial (Foto: Mário C. Bucci)

Aposto que a expressão “fim de semana no sítio” ganhou um novo significado para você, não é? Pois esses lugares cheios de registros do passado estão abertos para qualquer um que quiser ir ver com os próprios olhos. Procure os sítios geológicos do seu estado e tenha um fim de semana de muitas descobertas!

Matéria publicada em 09.10.2012

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Camille-Dornelles

Quando criança, gostava de fazer experimentos dentro de casa e explorar o mundo. Hoje, na CHC, me sinto brincando de cientista e trabalhando como jornalista ao mesmo tempo.

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat