Será que cabe mais um?

Em uma brincadeira com tampinhas, a matemática pode salvar um habitante de um planeta que sofreu uma catástrofe ambiental.

Meu filho tem uma coleção de tampinhas, e, às vezes, essas tampinhas viram personagens de histórias que ele inventa.  Certo dia, ao chegar em casa, vi que ele tinha colocado 40 tampinhas idênticas em cima da tampa de uma caixa de sapatos.

Ele me explicou que essas tampinhas ou habitampas, como a gente batizou, eram os últimos sobreviventes de um planeta que tinha sofrido uma catástrofe ambiental.  E a tampa da caixa de sapatos era a espaçonave que iria levá-los em busca de outro lugar para morar.

 


pedro_roitman

Pedro Roitman,
Instituto de Matemática,
Universidade de Brasília

Sou carioca e nasci no ano do tricampeonato mundial de futebol – para quem é muito jovem, isso aconteceu em 1970, século passado! Enquanto fazia o curso de Física na universidade, fui encantado pela Matemática. Hoje sou professor.

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

CONTEÚDO RELACIONADO

O engenheiro da lama

Um mergulho no manguezal pode revelar muitas curiosidades sobre o caranguejo-uçá!

Fora da Terra

Em uma viagem fora da Terra, podemos descobrir como os satélites nos ajudam a perceber mudanças e medir a superfície do planeta.

Open chat