Histórias de índio

Lá pelo início do século 16, quando os padres jesuítas chegaram ao Brasil, os índios tupinambás logo pensaram estar diante do mitológico Sumé, um civilizador branco que teria visitado seus antepassados. Os religiosos, quando ouviram isso, pensaram que o Sumé de que tanto se falava era, na verdade, o santo católico Tomé.

Então, começou a confusão: o padre Manuel da Nóbrega levou aos seus superiores, em Portugal, a notícia de que o santo havia estado no Brasil, muito antes de seu descobrimento. Ele teria ensinado os índios a plantarem mandioca e a contar o tempo por meio da observação do céu. Quanta história misturada!

Até hoje tem gente que acredita nesta versão dos fatos, mas não há prova nenhuma de que Tomé tenha mesmo passado por aqui. Por outro lado, as histórias contadas pelos índios sugerem que algum branco misterioso andou conversando com os nativos muito antes da chegada dos portugueses… Leia mais em:

Viagem de Sao Tome

A viagem de São Tomé à terra dos tupinambás
De Luiz Galdino
Ilustrações de Sérgio Palmiro
Editora Paulinas

Matéria publicada em 16.07.2013

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Diná

Sou uma dinossaura antenada, criativa e apaixonada por música, livros e cinema. Tem gente espalhando por aí que sou apaixonada também pelo Rex, mas alto lá! Ele é o meu melhor amigo.

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!

Open chat