Visual versátil

Aposto que a Diná vai ficar toda animada com esta notícia: cientistas da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, criaram um tecido que muda de cor à medida que é esticado. Já imaginou como seriam as roupas feitas com esse material? Com certeza, muito legais! Mas o invento tem outros objetivos. Quer conhecê-los?

Primeiro, vamos entender como ele é feito. Em vez dos pigmentos tradicionais, cientistas aplicaram sobre o tecido um composto químico a que chamaram “polímero de opala”, criado em laboratório. Ele é um agrupamento de minúsculas e maleáveis esferas de sílica (nanoesferas, como dizem os cientistas), que refletem as cores de maneiras diferentes de acordo com a sua posição. Quando o tecido é esticado, as nanoesferas se afastam umas das outras e, como a luz passa a ser refletida de outra forma, o efeito alcançado é que o tecido muda de cor! Confira o vídeo:

Jeremy Baumberg, um dos autores da pesquisa, contou à CHC Online que o tecido pode ter muitas utilidades, que vão desde a indústria de roupas até a medicina. “Uma delas é a aplicação em curativos e cuidados médicos, nos casos em que é preciso aplicar uma pressão específica em um curativo. O tecido mudaria de cor até chegar à pressão recomendada”, explica.

Outra vantagem do novo tecido é que ele dificilmente desbota. “A maioria dos pigmentos usados no tingimento de tecidos não são uma boa opção química – com o tempo eles vão perdendo a cor. O ‘polímero de opala’ não passa por isso. A ideia é que, no futuro, o polímero passe a ocupar o lugar desses pigmentos”, aposta Jeremy.

O cientista disse também que as nanoesferas são simples de fazer, além de baratas. Será que essa novidade vem para ficar?

Matéria publicada em 25.07.2013

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Fernanda-Tavora

Sou curiosa até não poder mais! Gosto de conhecer diversos assuntos e, aqui na CHC, aprendo mais e mais todos os dias.

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat