Tesouros brasileiros

A Arrojadoa eriocaulis é uma planta rara brasileira (foto: M. Machado)

Você já viu, em algum lugar, a planta ao lado? Provavelmente não. Isso porque ela só é encontrada em um local: o município de Mato Verde, em Minas Gerais. Chamada pelos cientistas de Arrojadoa eriocaulis, esta é uma das mais de duas mil espécies de plantas raras que existem somente em nosso país.

Uma planta é considerada rara quando é encontrada em uma área menor do que dez mil quilômetros quadrados: o equivalente a menos da metade de Sergipe, o menor estado do Brasil. Para identificar espécies com essa característica, entre 2007 e 2009, um grupo de 175 cientistas de 55 instituições nacionais e estrangeiras pesquisou a flora brasileira. O resultado desse trabalho está no recém-lançado livro Plantas raras do Brasil, que reúne 2.291 espécies, encontradas somente em nosso país.

Em defesa das plantas raras

O número parece alto? Pois os pesquisadores avisam que ele pode ser maior – há, com toda certeza, espécies raras no Brasil que permanecem desconhecidas pela ciência e correm o risco de desaparecer antes mesmo de serem descobertas.

Em nosso país, aliás, a maior parte das plantas raras está nos estados de Minas Gerais e Bahia, mostrou a publicação produzida pela Universidade Estadual de Feira de Santana e a Conservação Internacional. Porém, para garantir a preservação desse tipo de flora, os pesquisadores, com base nos dados do livro Plantas raras do Brasil, estabeleceram 752 áreas do país consideradas estratégicas para a conservação de espécies desse tipo.

A Calliandra hygrophila cresce em ambientes alagados e só existe na Bahia (foto: E.R. Souza).

Essas áreas devem receber atenção especial dos governantes para a conservação, ainda mais porque metade delas já está degradada. “O estabelecimento dessas áreas de proteção é o resultado mais importante desse livro. Essa informação é inédita para o território nacional”, conta Alessandro Rapini, um dos organizadores do livro Plantas raras do Brasil.

Encontrada somente no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, a erva Holocheilus monocephalus pode atingir até 60 centímetros de altura e dá essa bela flor (foto: C. Mondin).

Raridades na rede

Quer conhecer algumas das espécies apresentadas por essa obra? Pois ela está disponível na internet. Então, visite-a! Quem sabe alguma espécie cresce bem perto da sua casa? Você vai ter a chance de apreciá-la na natureza e ajudar a preservá-la!

Matéria publicada em 17.08.2009

COMENTÁRIOS

  • Igor bello

    como você encontraram essas plantas ?

    Publicado em 4 de março de 2021 Responder

Responder Cancelar resposta

Marcella-Huche

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat