O que é, o que é…

A Amazônia ainda esconde muitas surpresas. Quantos bichos será que vivem por lá e nós ainda não conhecemos? Vira e mexe, um deles dá as caras aos cientistas pela primeira vez. Foi o que aconteceu recentemente com uma equipe de pesquisadores que realizou uma expedição ao sul da floresta. Eles deram de cara com uma espécie ainda desconhecida de primata e deram-lhe o nome de zogue-zogue-rabo-de-fogo (Callicebus miltoni).

Zogue-zogue-rabo-de-fogo (<i>Callicebus miltoni</i>), primata encontrado na região sul da Amazônia. (foto: Júlio César Dalponte)

Zogue-zogue-rabo-de-fogo (Callicebus miltoni), primata encontrado na região sul da Amazônia. (foto: Júlio César Dalponte)

Não foi fácil, porém, realizar esta descoberta. O grupo enfrentou situações dignas de roteiro cinematográfico: lama, sol, chuva, insetos… Até viveram em um barco durante algumas semanas! “A satisfação de trabalhar em contato direto com a natureza supera qualquer obstáculo”, garante o biólogo Felipe Ennes Silva, do Instituto Mamirauá, que participou da expedição.

Também, pudera: a recompensa foi grande! Descobrir o zogue-zogue foi um presentão.

O rabo comprido é uma das características das espécies do gênero <i>Callicebus</i>, a que pertence o zogue-zogue-rabo-de-fogo. (ilustração: Stephen Nash)

O rabo comprido é uma das características das espécies do gênero Callicebus, a que pertence o zogue-zogue-rabo-de-fogo. (ilustração: Stephen Nash)

“A característica mais marcante do animal é sua cauda avermelhada, cor de tijolo, por isso o nome ‘rabo de fogo’. Essa mesma coloração é encontrada no ventre do animal até a altura do pescoço”, descreve o biólogo Felipe Ennes Silva, do Instituto Mamirauá, que participou da descoberta.

Pequeno e ágil no alto das árvores, o animal pertence ao gênero Callicebus, conhecido no Brasil como zogue-zogue.  “As espécies deste gênero formam pequenos grupos variando de dois a seis indivíduos, geralmente tendo um filhote por ano. Possuem hábitos diurnos e se alimentam principalmente de frutos”, conta Felipe.

O desmatamento no norte de Mato Grosso e no sul do Amazonas é uma das ameaças que o primata sofre. (foto: Marcelo Santana)

O desmatamento no norte de Mato Grosso e no sul do Amazonas é uma das ameaças que o primata sofre. (foto: Marcelo Santana)

A área onde o zogue-zogue-rabo-de-fogo vive é grande, entre os rios Aripuanã e Roosevelt, no estado do Mato Grosso e no sul do estado do Amazonas. Apesar disso, o bicho já corre o risco de ficar sem ter onde morar. “É que a região onde esta espécie se encontra sofre uma grande pressão do desmatamento”, adverte o biólogo. “As principais ameaças são o corte seletivo de espécies de árvores para comércio, a implementação de pastagens e as obras de infraestrutura, como estradas e hidrelétricas”.

Matéria publicada em 22.04.2015

COMENTÁRIOS

  • Anna Elise

    Tomara que essas espécies não sejam extintos!

    Publicado em 5 de maio de 2019 Responder

  • Luiza Reis Dellamole

    Olá, sou nova por aqui e adorei saber sobre esse novo primata!!!

    Luiza, 8 anos

    Publicado em 9 de setembro de 2021 Responder

  • Luiza Reis Dellamole

    Olá,
    sou nova por aqui e adorei saber sobre esse novo primata

    Publicado em 9 de setembro de 2021 Responder

Envie um comentário

Everton Lopes

Adoro viajar e ler. Quando era pequeno queria ser escritor, hoje, posso escrever sobre um monte de coisas novas que eu descubro aqui na CHC!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat