Aranhas com nome de comida?

Que os pesquisadores que identificam e nomeiam as espécies têm grande liberdade na hora de escolher o nome dos bichos, você já sabe. Mas, que alguns associam nome de comida com aranhas deve ser novidade. Hum… Não caiu bem? Pois então conheça as aranhas do gênero Ianduba.

As aranhas do gênero <i>Ianduba</i> são nativas da Mata Atlântica, sendo encontradas especialmente na Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo. (foto: A. Anker / Arthropod Systematics & Phylogeny)

As aranhas do gênero Ianduba são nativas da Mata Atlântica, sendo encontradas especialmente na Bahia, Minas Gerais e Espírito Santo. (foto: A. Anker / Arthropod Systematics & Phylogeny)

As Ianduba são encontradas principalmente na Bahia. Por isso, elas ganharam esse nome: uma mistura de iandu (que quer dizer “aranha” na língua indígena tupi) com a sigla do estado da Bahia (BA). Algumas espécies receberam nomes de personalidades, como Ianduba angeloi (homenagem ao professor, pesquisador, escritor e conservacionista Dr. Ângelo Machado) e Ianduba benjori (homenagem ao cantor Jorge Ben Jor).

Outras aranhas têm nomes que fazem referência à região onde vivem, como Ianduba paubrasil (encontrada na Fazenda Pau Brasil, na Bahia), Ianduba capixaba (encontrada no Espírito Santo) e Ianduba beaga (encontrada na região central de Minas Gerais, especialmente em Belo Horizonte, carinhosamente chamada de BH – beagá – pelos moradores).

As <i>Ianduba</i> são aranhas pequenas, medindo em média entre 6 e 7 milímetros apenas. (foto: Ivan Magalhães)

As Ianduba são aranhas pequenas, medindo em média entre 6 e 7 milímetros apenas. (foto: Ivan Magalhães)

Uma espécie, Ianduba dabadu, foi assim chamada por causa do grito do personagem Fred, do desenho animado Os Flintstones. Quando ele se animava, sempre soltava um “iabadabadu!”. Repita “Ianduba dabadu” e repare como o som do nome dessa aranha lembra o grito de Fred.

Mas nada se compara aos nomes de cinco espécies em homenagem a pratos da culinária dos estados onde são encontradas: Ianduba abara, Ianduba acaraje, Ianduba mugunza e Ianduba vatapa foram nomeadas por causa de comidas típicas da Bahia (abará, acarajé, mugunzá e vatapá). E tem ainda a Ianduba apururuca, cujo nome faz referência ao leitão à pururuca, prato típico de Minas Gerais, onde a espécie ocorre.

Acarajé, mugunzá, vatapá e leitão à pururuca. Quem diria que esses pratos virariam nome de espécies de aranhas? (fotos: André Schirm – CC BY-ND 2.0 e Wikipedia)

Acarajé, mugunzá, vatapá e leitão à pururuca. Quem diria que esses pratos virariam nome de espécies de aranhas? (fotos: André Schirm – CC BY-ND 2.0 e Wikipedia)

Imagina só se essa moda continua. Daqui a pouco vai ter aranha com nome de feijoada, moqueca, pamonha, tapioca, pão de queijo… Hum!! Essa história já está é me dando fome!

Matéria publicada em 11.08.2017

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Henrique Caldeira Costa

Curioso desde criança, Henrique tem um interesse especial em pesquisar a história por trás dos nomes científicos dos animais, que partilha com a gente na coluna O nome dos bichos

CONTEÚDO RELACIONADO

Parque Nacional de Itatiaia

A primeira área de preservação ambiental do Brasil

Pequenos notáveis

Conheça os peixes criptobênticos!

Open chat