Barata de imitação

Algumas pessoas morrem de medo de barata, mas adoram ver vaga-lumes brilhando por aí. Mal sabem elas que existe um bicho que parece a mistura dos dois! Segundo um estudo feito pelo geólogo Peter Vršanský, da Academia de Ciências da Eslováquia, baratas do gênero Lucihormetica produzem luz do mesmo jeito que o vaga-lume.

Enquanto o pirilampo brilha para conquistar uma namorada, essas baratas emitem luz na tentativa de imitar o besouro-clicador do gênero Pyrophorus, um inseto que pertence à família do vaga-lume, mas que é muito venenoso. “A luz emitida pela barata é da mesma cor que a do besouro, e as estruturas que brilham têm a mesma localização e o mesmo tamanho nos dois insetos”, explica Peter.

Barata e besouro

Para os olhos humanos, pode parecer que quase todo o corpo da barata (à esquerda) está iluminado, mas apenas três regiões brilham para que ela fique parecida com o besouro, que você vê na imagem à direita (Fotos: doi 10.1007/s00114-012-0956-7 e Adrian Tween)

Como as baratas brilhantes já não são vistas há mais de 70 anos e uma erupção do vulcão Tungurahua destruiu a região do Equador onde elas moravam, Peter acredita que esses insetos estejam extintos. Para estudá-las, o geólogo recolheu exemplares que estavam guardados em um museu e, ao usar um laser para estimular a emissão de luz, descobriu que partes do corpo da barata brilhavam.

Segundo Peter, as baratas não possuem veneno, mas a semelhança com o besouro poderia fazer com que o predador acreditasse que elas são tóxicas. “Como o besouro-clicador também habitava a região do Equador onde elas viviam, os predadores confundiam os dois animais”, completa o pesquisador. Você pode até não gostar de barata, mas vai ter que admitir que essa aí é um bocado interessante!

Matéria publicada em 07.11.2012

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Mariana Rocha

Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat