Babuíno, um quase leitor

Imagine a cena: você está na biblioteca da escola procurando sua CHC favorita quando percebe que ela está nas mãos de… ops! um babuíno. Achou maluquice? Pois é mesmo. Mas saiba que um estudo da Universidade Aix-Marseille, na França, mostrou que esse primata é capaz de reconhecer palavras – um dos primeiros passos para aprender a ler.

Babuíno

Cientistas ensinaram macacos da espécie Papio papio a reconhecer palavras em uma tela de computador (Foto: emenafoto / Flickr / CC BY-NC-ND 2.0)

Para conhecer as habilidades de seis babuínos da espécie Papio papio, os cientistas ensinaram os bichos a usar uma tela de computador sensível ao toque. A tela exibia ora palavras com quatro letras, como SALA, ora sequências de quatro letras sem sentido, como SLAB.

Além das letras, a tela exibia dois símbolos: uma cruz e um círculo. Sempre que o babuíno identificasse a sequência de letras como uma palavra com sentido, ele deveria apertar o círculo – caso contrário, era preciso apertar a cruz. O resultado foi fascinante: em um mês e meio de treinamento, os babuínos conseguiram aprender de 81 a 308 palavras, com uma média de 75% de acertos.

Confira um vídeo do experimento:

(Imagens cedidas pelo pesquisador, narração e legendas de Mariana Rocha)

Apesar dos resultados, não será possível ver babuínos carregando livros por aí. O estudo mostrou que eles foram capazes de reconhecer de que maneira as letras se organizam dentro de uma palavra, mas, como esses animais não falam, é impossível entenderem o que cada palavra significa.

De acordo com Jonathan Grainger, psicólogo que participou do estudo, a pesquisa pode ajudar a entender como o cérebro interpreta as palavras. “Para pessoas surdas que não conhecem a língua de sinais, pode ser difícil aprender a ler. Sabendo como o cérebro interpreta a leitura, será mais fácil ajudar essas pessoas”, aposta.

Matéria publicada em 24.04.2012

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Mariana Rocha

Cresci gostando de fazer descobertas para escrever sobre elas. Na CHC consigo ser curiosa e escritora, tudo ao mesmo tempo!

CONTEÚDO RELACIONADO

Um mergulho com os peixes

Acompanhe o final da aventura de Rex, Diná e Zíper e suas descobertas no fundo do mar.

Rex, Diná e Zíper em…

Um lanchinho para os peixes. É correto alimentar esses animais na natureza?

Open chat