Tinta mágica?

Será que uma tinta é capaz de impedir que as letras fiquem ao contrário diante do espelho?

Outro dia um amigo me disse assim:

–Está vendo a caneta vermelha? A tinta dela é mágica!

Ele pegou uma folha de papel e escreveu a seguinte frase:

O COICE DO BODE

E, com uma caneta azul, acrescentou outra frase:

O PULO DO GATO 

Sem perceber o truque, eu perguntei:

– OK, mas qual é a mágica?

Então, ele ficou de frente para um espelho e virou a folha de cabeça pra baixo.

Aí, eu disse:

– Uau!!

Ilustração Walter Vasconcelos

Para entender a minha reação,escreva as duas frases num pedaço de papel, exatamente como aparecem aqui. Vire o papel de cabeça para baixo na frente do espelho.

Sim!!!A misteriosa tinta vermelha faz com que a frase possa ser lida perfeitamente, mesmo depois de refletida no espelho! Já a frase em azul fica esquisita, certo?

Mas será que a tinta vermelha é mesmo mágica? Será que não há uma explicação para o que você acabou de ver?

Na verdade, o truque não está na tinta, mas na escolha das letras! As letras que aparecem na frase “O COICE DO BODE” tem algo de especial.  É o que chamamos de simetria horizontal. Não se assuste com o nome complicado. A coisa é bem simples. Olhe a figura:

 

 

Note que se você dobrar o papel ao longo da linha a parte das letras acima da linha se encaixam perfeitamente na parte das letras que estão abaixo.

Quando viramos o papel de cabeça para baixo, trocamos a esquerda pela direita e, claro, a parte de cima pela de baixo. O espelho desfaz a troca da esquerda e direita, e, pela simetria das letras, a parte de baixo é igual à parte de cima. É por isso que o truque funciona.

Muitos mistérios da natureza, da arte e da matemática envolvem esse conceito de simetria. Desafio: tente formar outras palavras com as letras com simetria horizontal e faça esse truque com os seus amigos!


Pedro Roitman,
Instituto de Matemática,
Universidade de Brasília

Sou carioca e nasci no ano do tricampeonato mundial de futebol – para quem é muito jovem, isso aconteceu em 1970, século passado! Enquanto fazia o curso de Física na universidade, fui encantado pela Matemática. Hoje sou professor.

Matéria publicada em 06.12.2018

COMENTÁRIOS

  • Anna Elise

    Eu vou tentar fazer com meus irmãos e concerteza eles vão adorar!

    Publicado em 17 de fevereiro de 2019 Responder

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Quem vê cara não vê coração

Já pensou em como nosso cérebro entende os ditados populares?

Nem tudo que cai na rede é para comer!

É possível escolher a melhor hora de consumir pescados e dar uma forcinha para o meio ambiente

Open chat