Quero saber…

…se homens e mulheres foram eleitos igualmente nas eleições municipais de 2020? 

 

Ilustrações Mariana Massarani

 

Existem mais mulheres do que homens no país. Elas também representam mais da metade dos eleitores brasileiros. Mesmo assim, hoje, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), órgão responsável pelas eleições no Brasil, ainda há pouca representatividade feminina na política. No primeiro turno das eleições municipais de 2020, foram eleitas pelo país 651 prefeitas e 4.750 prefeitos; 9.196 vereadoras e 48.265 vereadores. Como se vê, o direito de voto, conquistado em 1934, ainda não garantiu às mulheres o mesmo espaço de participação como representantes eleitas do povo brasileiro. Olhando para a história do nosso país, vemos que durante muito tempo se acreditou que o lugar de mulher era somente no ambiente da casa e nunca ocupando cargos de liderança. No mundo do trabalho, as mulheres foram sempre colocadas em posição inferior à dos homens, mesmo tendo condições iguais ou superiores, de estudo ou experiência –  o que só veio a ser questionado há pouco tempo. Esse olhar destorcido sobre a capacidade feminina tem suas raízes no patriarcalismo, onde a figura masculina está associada com quem manda e o homem é colocado como personagem central nos setores considerados mais importantes. Esta é uma característica forte da sociedade brasileira, que impede que a igualdade de direitos seja garantida e de fato exercida por todos… e todas!

 

Monica Lima
Instituto de História
Universidade Federal do Rio de Janeiro

 

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Viajar também é ciência

Você já ouviu falar em viajante-naturalista? Aceita o nosso convite para conhecer alguns desses profissionais?

Quanto menor o escorpião, mais forte o veneno?

Para encontrar a resposta, é preciso uma investigação científica!

Open chat