Para que servem os hipopótamos?

Rios e lagos africanos dependem do cocô desses gigantes

Durante o dia, os hipopótamos se aglomeram na água para se refrescar, descansar e fazer… o número 2!
Paul Maritz / Wikimedia Commons / CC BY-SA 3.0

Certa vez, um comediante perguntou na televisão se os hipopótamos “servem” para alguma coisa. Esta maneira de pensar é chamada de antropocêntrica, porque coloca o ser humano como o centro das atenções e do mundo.

Nós somos apenas uma entre milhões de espécies de seres vivos que compartilham este lindo planeta azul. É verdade que algumas espécies nos fornecem alimento, transporte, madeira e medicamentos. Mas, na natureza, cada espécie desempenha um papel no funcionamento dos ecossistemas, mesmo quando aparenta não ter utilidade para as necessidades humanas. É o caso dos hipopótamos.

Os hipopótamos são grandes mamíferos da África que pesam mais de uma tonelada quando adultos. Eles passam a noite se alimentando de grama na savana, mas se aglomeram em rios durante o calor do dia. Dentro da água os hipopótamos se refrescam, descansam e… fazem o número 2! Isso mesmo: fazem quilos e mais quilos de um cocô bem especial!

O cientista belga Jonas Schoelynck e sua equipe descobriram que as fezes dos hipopótamos são ricas em silício, um elemento químico. Este silício vem da grama que os animais comem e vai parar nos rios através das fezes. Dissolvido na água, o silício é usado para formar a parede celular de algas microscópicas chamadas diatomáceas. As diatomáceas fazem parte do fitoplâncton, a base da teia alimentar dos ambientes aquáticos, e também produzem parte do oxigênio da atmosfera.

Nas últimas décadas, a caça reduziu a população de hipopótamos na natureza e eles foram extintos de muitos rios. Sem hipopótamos, haverá menos diatomáceas nos rios africanos e nos grandes lagos onde os rios desaguam. A vida nesses ambientes aquáticos será afetada e peixes importantes para a alimentação humana podem desaparecer. 

Mas este futuro trágico pode ser evitado. Proteger os hipopótamos significa preservar o equilíbrio de um ecossistema inteiro e milhares de espécies que lá habitam, incluindo os humanos.


henrique-caldeira

Henrique Caldeira Costa,
Departamento de Zoologia
Universidade Federal de Juiz de Fora

Sou biólogo e muito curioso. Desde criança tenho interesse em pesquisar os seres vivos, especialmente o mundo animal. Vamos fazer descobertas incríveis aqui!

Matéria publicada em 23.12.2021

COMENTÁRIOS

  • Turma do 4º ano – MCBA – Professora Juliana

    Olá, esse texto foi muito importante para nosso conhecimento. Obrigada!
    Turma do 4ºano D. MCBA.

    Publicado em 14 de fevereiro de 2022 Responder

  • Jorge Ferreira Junior

    Foi bom saber 👍

    Publicado em 6 de abril de 2022 Responder

Envie um comentário

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

O engenheiro da lama

Um mergulho no manguezal pode revelar muitas curiosidades sobre o caranguejo-uçá!

Fora da Terra

Em uma viagem fora da Terra, podemos descobrir como os satélites nos ajudam a perceber mudanças e medir a superfície do planeta.

Open chat