Formiga pré-histórica

Presas em resinas de árvores há milhões de anos, essas formigas tiveram seu corpo preservado!

Haidomyrmex zigrasi, uma formiga que viveu há 99 milhões de anos e foi preservada em âmbar. Repare o curioso formato da mandíbula, semelhante a um espinho voltado para cima, saindo da base da cabeça.
Foto Phillip Barden/Antweb.org

 

Ficha Técnica

Nome: Formiga-dentes-de-sabre
Nome científico: Haidomyrmex
Origem: Myanmar
Tamanho: 5 a 15 milímetros
Peso: menos de um grama
Época em que viveu: 99 milhões de anos (Período Cretáceo)

A pesquisa sobre os insetos fósseis tem mudado o entendimento dos cientistas sobre como as primeiras formigas evoluíram. Algumas das formigas fósseis mais interessantes (e esquisitas!) são as do gênero Haidomyrmex, também conhecidas como “formigas-do-inferno”, “formigas-dentes-de-sabre” ou “formigas-mamute”. Elas viveram durante o Cretáceo – o último período da famosa era dos dinossauros – onde hoje fica Myanmar, país ao sudeste da Ásia. Eram pequenas, mas tinham mandíbulas poderosas, capazes de perfurar suas presas.

 

Júlio Chaul,

Laboratório de Sistemática e Biologia de Coleoptera,
Departamento de Biologia Animal,
Universidade Federal de Viçosa

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

admin

CONTEÚDO RELACIONADO

Em um gigante de gelo e lava!

Um vulcão no Chile, coberto de neve, que pode entrar em erupção a qualquer momento.

vulcanólogo!

Existem pesquisadores que se dedicam a estudar os vulcões. São os vulcanólogos! A vulcanóloga Rosaly Lopes acha a erupção de um vulcão o maior espetáculo da natureza.