Entre as chamas e a água

O Pantanal abriga vegetação que suporta fogo e inundação.


A Baía do Arrozal, em Corumbá, é a porta de entrada para o Pantanal.
Foto Paulo Robson de Souza

 

O nome até sugere, mas o Pantanal não é um pântano. É verdade que ele tem essa aparência alagada em determinada época do ano. Mas esse bioma importante, que abriga uma boa parte de espécies brasileiras, é uma planície sedimentar, ou seja, seu solo foi trazido e depositado pelos rios, que pode ser inundado ou se manter seco.
Muitos confundem a planície do Pantanal com a alta bacia hidrográfica, onde chove mais e de onde vêm os rios. Mas, as muitas espécies da flora do planalto não descem à planície. O Pantanal é composto por uma seleção da vegetação que suporta fogo e inundação. É uma terra de “fortes”!

 

Arnildo Pott e Vali Joana Pott
Departamento de Biologia
Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Edição Exclusiva para Assinantes

Para acessar, faça login ou assine a Ciência Hoje das Crianças

CONTEÚDO RELACIONADO

Floresta azul?

Debaixo d’água existe uma floresta tão importante quanto às que temos em terra firme!

Um urso pelo Brasil

Ele dominou as Américas, mas desapareceu misteriosamente

Open chat