Uma experiência gelada



Atenção! Atenção! Será que um fio de náilon pode atravessar um cubo de gelo sem cortá-lo? Faça você mesmo este experimento e comprove que não se trata de um truque de mágica, mas de física! Você só precisa ter à mão:

– uma barra de gelo (que você pode fazer congelando água dentro de um pequeno pote de manteiga);
– 50 centímetros de fio de náilon (o que tem 0,35 milímetros de espessura é o ideal);
– duas garrafas plásticas de refrigerante (2 litros) cheias de água.

Amarre uma garrafa em cada ponta do fio de náilon. Em seguida, pegue a barra de gelo e coloque-a numa fenda (pode ser entre duas cadeiras, por exemplo). Depois, passe o fio pela fenda, de forma que as garrafas fiquem penduradas, uma de cada lado da barra. Por fim, observe.

Aos poucos, o fio vai entrando no gelo até atravessá-lo por completo, sem cortá-lo! Como isso é possível?

Veja: quando aumentamos a pressão sobre o gelo, ele derrete. E o fio de náilon que tem as garrafas penduradas exerce uma grande pressão sobre o gelo na parte em que ele se apóia. Nessa parte de contato, o gelo derrete e o fio desce até encontrar gelo novamente. A pequena parte de água líquida que fica acima do fio, torna-se livre do peso dele e volta a congelar porque sua temperatura permanece abaixo de zero e não está mais sob pressão alta, mas à pressão normal — condições propícias para a água virar gelo.

Essa mesma propriedade do gelo é utilizada para a patinação. Por isso os patins de gelo têm aquela lâmina fina, que exerce uma grande pressão sobre a água congelada, fazendo-a derreter na faixa de apoio. Assim, os patins deslizam com mais facilidade. Na verdade, a pessoa patina na água, e não no gelo!

Matéria publicada em 22.03.2011

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Redação

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!