Poemas sertanejos

Você já ouviu falar em Nhô Bentico e Monte Santo? Os dois foram poetas sertanejos, artistas que empregaram sua criatividade em versos de grande musicalidade para falar de temas e de costumes do interior do Brasil, com uma linguagem muito característica da região. Talvez você ainda não conheça a obra deles, mas agora isso ficou mais fácil: os dois ganharam uma homenagem em forma de livro digital com parte de suas obras.

(Imagem: Reprodução)

(Imagem: Reprodução)

A obra, ilustrada por crianças, surgiu com um projeto de Eleni Souza, professora de uma escola estadual em Itapetininga, no interior de São Paulo, onde os poetas viveram boa parte de suas vidas. Eleni convidou seus alunos, de 11 a 16 anos, a aprender os poemas e a estudar mais sobre o folclore regional. Depois, eles puderam usar sua criatividade para ajudar a ilustrar a obra digital Quem conta um conto, canta um conto!, disponível gratuitamente na internet.

Cada estrofe do poema ganhou um desenho, feito à mão e em grupo pelos estudantes, e depois digitalizado. Além de estimular a criatividade, o livro também serviu para apresentar a obra dos poetas às crianças e destacar a importância de valorizar a cultura e a memória local. Em tempo: os nomes de verdade dos poetas, é claro, não eram Nhô Bentico e Monte Santo, mas sim Abílio Victor e Édson de Souza Abreu.

Eu gostei bastante dos poemas e dos desenhos! E você, o que achou? Aliás, se gostou da ideia, que tal aprender mais sobre sua cidade e região e contar pra gente? Você podia até fazer seus próprios poemas!

Matéria publicada em 29.10.2013

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Padrão do site

Sou o mascote da CHC. Troquei a pré-história pelo mundo virtual para mostrar a você o lado curioso e divertido da ciência.

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!

Open chat