Astronomia na tribo

Você sabe medir a passagem do tempo sem usar um relógio? Não? Então precisa visitar o Observatório Solar Indígena, na Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul. Lá, você vai aprender, por exemplo, como funciona o gnômon – uma haste vertical usada pelos índios para determinar a hora através da luz do sol. E pode descobrir mais sobre a cultura indígena e sua relação com os astros.

Observatório Solar Indígena

No Observatório Solar Indígena, os visitantes podem saber mais sobre astronomia por meio dos ensinamentos das tribos (Foto: Edmilson de Souza)

Outros dois observatórios, localizados na Reserva Indígena Jaguapiru e na Aldeia Panabizinho-Panambi, também podem ser visitados – e só marcar. Junte sua tribo e vá correndo aprender ciência na aldeia!

Observatório Solar Indígena
Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul
Diariamente, das 8h às 12h e das 14h às 18h
Rodovia Dourados Itahum, km 12, Cidade Universitária, Dourados – MS
Grátis
Informações e agendamento: (67) 3902-2650

Matéria publicada em 02.02.2012

COMENTÁRIOS

Envie um comentário

Padrão do site

Sou o mascote da CHC. Troquei a pré-história pelo mundo virtual para mostrar a você o lado curioso e divertido da ciência.

CONTEÚDO RELACIONADO

Grêmio Recreativo Escola de Samba Turma do Rex apresenta… A história do carnaval!

Rex, Diná e Zíper vão passar o carnaval no Rio de Janeiro e aproveitam para contar a você muitas curiosidades sobre o passado dessa festa!

Open chat